Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Marabá sedia encontro de pecuaristas

O evento é fruto de projeto que visa a inovação na cadeia produtiva da carne

Fabrício Queiroz

Representantes do setor produtivo participam do 1º Pecuariando - Encontro da Cadeia Agroindustrial, Comercial e de Serviços da Pecuária Paraense -, realizado em Marabá, sudeste paraense. O evento tem a participação confirmada do governador Helder Barbalho e do ex-ministro da agricultura Alysson Paolinelli.

Com o tema “A pecuária recupera o Pará: resposta do Estado aos desafios da produção sustentável na Amazônia”, a programação terá como destaque a apresentação do Manifesto da Aliança Paraense pela Carne em Prol da Sustentabilidade da Pecuária na Amazônia, bem como pelo lançamento do Sistema de Restauração Florestal (SIRFLOR), do projeto Pecuariando.

Este projeto é uma iniciativa do setor pecuarista que tem como objetivos reduzir o preço da carne e estimular o estudo de novas tecnologias que tornem o mercado interno e externo mais competitivo. A proposta recebeu apoio do governo estadual, que, por meio de decreto publicado em agosto do ano passado, viabilizou o uso de mecanismos de incentivo fiscal para geração de conhecimento, tecnologia e inovação nesta cadeia produtiva.

Durante o evento, a realidade atual do segmento será discutia em uma série de palestras que tratam, por exemplo, de pecuária intensiva, sistemas de rastreabilidade de gado bovino, desmatamento ilegal, nutrição, genética e sanidade, entre outros temas.

Também está prevista a assinatura de protocolo de intenções com a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), a Universidade Federal Rural da Amazônia (UFRA), a Universidade Federal do Pará (UFPA), o Banco da Amazônia (BASA) e Banco do Estado do Pará (BANPARÁ). Além disso, Alysson Paolinelli, que ocupou o cargo de ministro da agricultura entre 1971 e 1974, no governo de Ernesto Geisel, receberá o título de cidadão paraense.

O Encontro será realizado de hoje até a próxima sexta-feira, 29, no Carajás Centro de Convenções de Marabá. O evento é gratuito e tem vagas limitadas. As inscrições podem ser feitas por meio do envio de mensagem para o número: (94) 99288-1000.

AFTOSA

Ainda em Marabá, o governador Hélder Barbalho participa da abertura da campanha contra Febre Aftosa de 2022. A ação é coordenada pela Agência de Defesa Agropecuária do Estado do Pará (Adepará), que visa garantir a sanidade e a qualidade do rebanho paraense, evitando prejuízos à produção e a disseminação de doenças.

A primeira fase da campanha ocorre de 1º a 30 de maio em 127 municípios. Animais de todas as idades devem ser vacinados para que o Pará mantenha o status de território livre da febre aftosa. No último ano, o estado alcançou a marca de 98,90% de cobertura vacinal, notificando um total de 10.627.635 animais vacinados.

O trabalho está integrado ao Programa Nacional de Erradicação da Febre Aftosa (PNEFA), do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa), que pretende que os esforços levem o país a suspender a vacinação obrigatória do rebanho de bovinos e bubalinos até 2026.

O Liberal
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!