Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Sinduscon Pará atua de forma efetiva para o aquecimento da construção civil

Ações feitas durante o ano de 2021 refletem no bom desempenho do setor em 2022

Lorena Saraiva

A indústria da construção civil é um dos setores que contribuem para o aquecimento da economia no país e no Pará. E nos anos de 2020 e 2021 teve um percentual de crescimento de aproximadamente 158% de contratações de acordo com informações do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (CAGED) no Estado.

Em 2020 foram 5.274 e no ano de 2021, 13.587 contratações mostrando o aquecimento do setor mesmo diante das dificuldades apresentadas nos últimos anos como a pandemia de Covid-19. Neste período o Sindicato da Indústria da Construção do Estado do Pará (SINDUSCON-PA) atuou de modo efetivo para garantir a saúde e remuneração dos trabalhadores do setor.

Alex Carvalho, que preside a entidade juntamente com sua diretoria e o time de colaboradores atuando há 5 anos. O desabastecimento e a alta dos materiais de construção junto com os custos do frete e a elevação dos juros foram outros problemas enfrentados durante o período e a entidade buscou soluções dialogando com os fornecedores para minimizar os impactos e garantir a ampliação de oferta dos principais materiais.

Na área sanitária e social, a diretoria incentivou e aprimorou ações de saúde e segurança nos canteiros de obra beneficiando cerca de 16 mil pessoas. E no ápice da pandemia, o sindicato liderado pelo presidente lutou para que o setor não parasse e buscou parcerias com outras instituições como o Sesi Pará e liderando as empresas associadas ao sindicato a saírem à frente com um modelo exemplar de boas práticas e medidas preventivas contra ao contágio da doença implantadas nos ambientes de trabalho e canteiros de obras do Estado.

Essas e outras ações realizadas durante a pandemia ajudaram a amenizar os possíveis impactos após a flexibilização. O setor avançou na geração de emprego e renda na economia do país, além da expansão no número de contratações de mão de obra e participação no Produto Interno Bruto (PIB) do país.

No ano de 2021 a indústria da construção registrou o melhor desempenho desde 2015 com um crescimento de 9,7% e este ano começou com um resultado positivo em suas atividades. No primeiro trimestre de 2022, o setor cresceu 0,8% em relação aos três meses do ano passado de acordo com os dados do PIB.

Para além da pandemia o SINDUSCON Pará segue fazendo ações para fortalecer a área da construção como a implantação do projeto “Pesquisa de Mercado Imobiliário - Belém e Ananindeua”, que metrifica as regiões com análises quantitativas e qualitativas da dinâmica do mercado imobiliário, identificando potenciais de avanço de novos empreendimentos.

A ampliação de fronteiras também é uma das prioridades da atual gestão liderada por Alex Carvalho. O sindicato criou diretorias para operar na indústria da construção em Santarém, local de expansão e crescimento no Pará.

Outro desafio enfrentado nos últimos anos foi o aumento no aço, material importante para o desenvolvimento das atividades, e o SINDUSCON Pará também esteve à frente com diálogos para reduzir os efeitos na área e conseguiu garantir a compra do aço da Turquia com o apoio da Cooperativa de Compras do Pará (Coopercon).

O Sindicato da Indústria da Construção do Estado do Pará (SINDUSCON - PA) continua realizando ações para melhorar o planejamento de negócios das empresas, permitindo o crescimento de postos de trabalho e a participação do setor da construção no desenvolvimento do nosso estado.

 

Sinduscon
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!