Com o retorno dos treinos, jogadores e funcionários do Remo terão uma rotina diferente

Clube montou um protocolo e todos terão que cumprir as medidas durante a permanência no Baenão

Fabio Will

Depois de mais de três meses sem treinos, estamos na semana em que os atletas do Remo retornarão às atividades presenciais. A pandemia do coronavírus mexeu com todos e o futebol pelo mundo sofreu consequências. Competições paralisadas, cortes de salários, dispensa de atletas, treinos em casa e novos cuidados foram debatidos para que o esporte pudesse retornar de maneira segura aos atletas e funcionários.

Despesas, parcerias, mudanças de comportamento. O Remo se preparou nesse momento sem partidas, ações foram realizadas e a ajuda do torcedor foi fundamental e citada pelo presidente Fábio Bentes, em entrevista ao programa Geral Na Live, na semana passada, porém, no próximo dia 1º de julho, um novo futebol se apresenta, sem a presença da torcida, em grupos pequenos de atletas e com hábitos que não eram levados a sério antes da pandemia.

Um protocolo foi feito pelo Remo seguindo todas as normas para que a covid-19 não se prolifere, porém, alguns cuidados deverão ser tomados pelos jogadores no retorno às atividades no Baenão. O jogador Djalma entende a preocupação do departamento médico e avaliou essa mudança no convívio com os companheiros de clube.

“Será uma rotina diferente, com restrições até de poder dar um abraço no amigo, mas tudo que é mudado para melhorar é bem-vindo. Acredito que as coisas irão normalizar, vamos ficar bem, não só nós jogadores, mas sim toda a população e creio que em breve estaremos convivendo com nossos amigos, companheiros de trabalho e também familiares. No final de tudo vamos colher bons frutos”, comentou Djalma.

O clube iniciou os exames cardiológicos e de imagem nos jogadores no meio da semana passada. Mesmo com a antecipação dos treinos para a segunda-feira (29), o Remo vai manter o cronograma e retornará aos treinamentos presenciais no Baenão somente na quarta-feira (1º).  Os testes de sorologia nos atletas e funcionários foram realizados no sábado (27), em um hospital particular parceiro do clube.

No protocolo desenvolvido pelo Leão Azul e aprovado pela prefeitura de Belém e o Governo do Estado, algumas medidas serão adotadas durante a permanência de atletas e funcionários no estádio Evandro Almeida.

PONTOS IMPORTANTES

  • Uso obrigatório de máscaras
  • Manter o distanciamento social (1,5 metro)
  • Cobrir a boca ao tossir e espirrar
  • Álcool em gel ou líquido 70%, água e sabão disponíveis a todos
  • Desinfecção diária das áreas comuns com água sanitária
  • Ar condicionado ser trocado por exaustores, além de janelas e portas abertas
  • Reuniões online ou em ambiente aberto e ventilado
  • Preencher formulário epidemiológico
  • Informar sobre exames e tratamentos prévios para a covid-19
  • Informar de imediatamente sobre sintomas
  • Lavar a mão ou usar álcool em gel com frequência, ao entrar e sair do clube, ao entrar em contato com outras pessoas
  • Mensurar a temperatura. Quem estiver com temperatura superior a 37,5°C deverá retornar às suas casas e informar supervisão imediata
  • Caso alguém da família inicie os sintomas é necessário informar
  • Evitar aglomerações dentro e fora do clube
  • Cada atleta terá uma mochila, dois kits de roupas de treino, um recipiente de plástico para hidratação, cinco máscaras de tecido e um frasco de álcool em gel.
  • Atleta chegar e sair com roupas de treino
  • Sem uso da academia, refeitório e vestiário
Remo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM ESPORTES