Atacante Edgar, ex-Remo, assina contrato e volta ao futebol paraense

Aos 33 anos, jogador é caracterizado pelo drible e pelo poder de finalização em campo acumula problemas disciplinares e enfrenta a dependência química. Ele jogará pelo Bragantino

Redação Integrada

Em campo, lembrado por dribles, intensidade e gols. Fora dele, protagonista de problemas disciplinares e portador de dependência química. O atacante Edgar, de 33 anos, está de volta ao futebol paraense. Depois do destaque com a camisa do Remo em 2017, o jogador foi anunciado nesta segunda-feira (6) pelo Bragantino para a disputa da Série D do campeonato brasileiro.

Após deixar o Remo, em 2017, quando fez 33 partidas e marcou sete gols, o jogador ficou o ano de 2018 inteiro sem clube. Edgar chegou a pedir, através de terceiros, para retornar ao Leão, mas não foi atendido. Edgar enfrenta a dependência química e, no próprio Remo, chegou a ameaçar um companheiro de clube com uma faca sob alegação de ter tido o celular roubado. 

Neste ano, Edgar voltou ao futebol através, novamente, do Sampaio Corrêa. Ao todo, foram 13 jogos, sendo sete pelo campeonato maranhense e seis pela Copa do Nordeste, mas sem gols. Ele foi dispensado na última semana, após um período de afastamento pedido pelo técnico do time maranhense, Julinho Camargo, ex-Santos (SP).

Relembre lances de Edgar:

Maranhense do município de Bacuri (MA), Gladson do Nascimento - o Edgar - construiu a carreira de 11 anos como atleta de futebol quase que totalmente no Sampaio Corrêa, clube que o profissionalizou. Além da Bolívia Querida e do Remo, o atacante também defendeu o Brasil de Pelotas (RS), o Horizonte (CE) e o Luverdense (MT).

Com Edgar, o Bragantino passa a ter nove atacantes no elenco, são eles: Wilker, Leandro Cearense, Fidélis, Mauro Praia, João Leonardo, Aryan e Will.

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!