Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Dia Mundial do Livro: Twitter divulga lista de obras e gêneros mais comentados no Brasil em 2021

O mangá 'Chainsaw Man', de Tatsuki Fujimoto, está em primeiro no ranking

Redação Integrada do Grupo Liberal

Palco de conversas sobre os mais variados assuntos em todo o mundo, o Twitter também pode ser considerado uma importante ferramenta para os amantes da literatura. E no Dia Mundial do Livro, comemorado nesta sexta-feira (23), o Twitter destaca os principais títulos e gêneros que vêm sendo mais citados no serviço nos primeiros meses de 2021 no Brasil.

Livros mais comentados

1. Chainsaw Man (Mangá, por Tatsuki Fujimoto)
2. Sol da meia-noite (Romance, por Stephenie Meyer)
3. 1984 (Ficção, por George Orwell)
4. Eleanor & Park (Romance, por Rainbow Rowell)
5. Vidas Secas (Romance, por Graciliano Ramos)
6. O Grande Gatsby (Romance, por F. Scott Fitzgerald)
7. Jogos Vorazes (Aventura, por Suzanne Collins)
8. O Sol É para Todos (Romance, por Harper Lee)
9. Outros Jeitos de Usar a Boca (Poesia, por Rupi Kaur)
10. Prólogo, ato, epílogo (Autobiografía, por Fernanda Montenegro)

Gêneros mais mencionados

1. Quadrinhos
2. Culinária
3. Mangás
4. Ficção
5. Mistério e crimes
6. Ação e aventura
7. Ficção científica e fantasia
8. Biografia e memórias
9. Romance
10. Ficção histórica

O tema vem ganhando cada vez mais representatividade entre os brasileiros. Um levantamento do próprio Twitter, realizado em 2020, apontou que as pessoas passaram a investir mais em hobbies e passatempos por conta da pandemia e 41% delas afirmaram estar lendo mais no período.

Cultura
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA