Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

REPÓRTER 70

Por Grupo Liberal

Mais tradicional coluna do jornalismo paraense. Aborda temas do cotidiano com atenção especial à economia e aos bastidores da política do Pará e do Brasil. | Twitter: @reporter_70

'A covid não acabou e não vai acabar, e nós precisamos conviver com essa doença e com esse vírus'

Marcelo Queiroga, ministro da Saúde, ao detalhar a decisão da pasta de declarar o fim da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (Espin) relacionada à covid-19 no Brasil

Repórter 70

Pressão do mercado

O dólar iniciou a semana em forte queda e fechou a R$ 4,64 nesta segunda-feira. A Bolsa caiu 0,43%, pressionada por commodities.

Povos tradicionais

O Governo do Pará promove hoje seminário sobre atendimento em saúde aos povos
indígenas, em alusão ao Dia do Indígena.

O ministro da Saúde Marcelo Queiroga (J. Bosco)

 

"A covid não acabou e não vai acabar, e nós precisamos conviver com essa doença e com esse vírus"

MARCELO QUEIROGA, ministro da Saúde, ao detalhar a decisão da pasta de declarar o fim da Emergência em Saúde Pública de Importância Nacional (Espin) relacionada à covid-19 no Brasil. O ministro garantiu que haverá um período de transição, e que mesmo com o fim da emergência sanitária “nenhuma política de saúde será interrompida”.

 

PREÇOS

ALTA
 
Levantamento divulgado ontem pelo Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (Dieese-PA) coloca, mais uma vez, Belém entre as capitais com maior alta no preço dos alimentos. Para comprar os 12 produtos da cesta básica, o belenense precisa desembolsar, atualmente, R$ 585,91, mais da metade do salário mínimo de R$ 1.212, em vigor desde 1º de janeiro de 2022. No mês de março, a grande vilã da alta de preços foi a manteiga, que acumulou aumento de 7% em apenas um mês. O quilo já está custando cerca de R$ 50.

 
SAÚDE

MOBILIZAÇÃO
 
Entidades médicas e hospitalares se mobilizam hoje, em todas as capitais do País, para discutir a grave situação dos hospitais filantrópicos e dos prestadores de serviços de saúde, em função do nível de endividamento e do subfinanciamento do Sistema Único de Saúde (SUS), que, nos últimos seis anos, culminou com o fechamento de 315 hospitais filantrópicos. Em Belém, a reunião será às 15h, na sede do Sindicato dos Estabelecimentos de Serviços de Saúde do Pará (Sindesspa), e poderá ser acompanhada pela imprensa.
 
PAUTA
 
Na capital paraense, a mobilização vai reunir representantes de hospitais e entidades filantrópicas dos Estados do Pará e Amapá, da Federação Nacional dos Estabelecimentos e Serviços de Saúde, além da Confederação das Santas Casas e Hospitais Filantrópicos (CMB). Na pauta, o cenário atual, agravado durante a pandemia, mas que pode se tornar insustentável com a aprovação dos projetos de lei de pisos salariais. Além do piso da enfermagem, prestes a ser votado, existem outros 53 projetos de lei em tramitação referentes a piso salarial de profissionais do setor saúde.


ENERGIA

ACORDO
 
A expansão da cadeia de valor da energia solar fotovoltaica no Estado deve ser acelerada ainda neste semestre, a partir da celebração de um termo de cooperação técnica entre o Governo do Pará e a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (Absolar). Com duração de dois anos, o acordo envolve a criação de programas e políticas públicas de incentivos capazes de ampliar o uso de sistemas fotovoltaicos e seus equipamentos e componentes. A previsão é de que o Pará, que hoje ocupa a 13ª posição nacional, suba no ranking de uso dessa energia de fonte renovável.

 
TV LIBERAL

HOMENAGENS
 
O Serviço Social da Indústria do Pará (Sesi) promove hoje evento em homenagem aos corredores e parceiros que fazem parte dos 30 anos da “Corrida do Sesi”, que, junto com a “Caminhada do Sesi”, volta a ser realizada no próximo dia 1º de maio, após dois anos de suspensão, devido à pandemia do coronavírus. A TV Liberal e seu superintendente, Fernando Nascimento, estão entre os homenageados na cerimônia, na qual pessoas físicas e instituições apoiadoras do evento receberão troféus. A homenagem será realizada no auditório Albano Franco, da Federação das Indústrias do Estado do Pará (Fiepa), a partir das 19h.

 
INDÍGENAS

PROVIDÊNCIAS

 
O Ministério Público Federal enviou, na tarde de ontem, ofícios à Polícia Federal, ao Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e ao Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade pedindo informações sobre as medidas tomadas para conter uma possível  invasão, por garimpeiros, à Terra Indígena Xipaya, a 400 km de Altamira, oeste do Pará. A medida foi determinada depois que circulou a informação de que garimpeiros presos pela PF foram soltos sem maiores explicações.
 
COMOÇÃO
 
A denúncia da invasão foi feita na semana passada pela cacique Juma Xipaya. O assunto gerou comoção nacional e a PF enviou equipe ao local, mas não há detalhes sobre quais as medidas tomadas para garantir a segurança da comunidade.  


ARTESANATO

ICOARACI

A Câmara de Vereadores de Belém realiza amanhã, às 15h, sessão especial para discutir a lei que deu ao artesanato cerâmico de Icoaraci status de Patrimônio Cultural de Belém. A lei, já sancionada pelo prefeito Edmilson Rodrigues, teve autoria do vereador Renan Normando (Podemos).  


EM POUCAS LINHAS

Está na pauta, para ser votado nesta terça-feira, 19, na Câmara Municipal de Ananindeua, o projeto de Lei do vereador Zezinho Lima (Avante) que, se aprovado, designará gratuidades nos transportes coletivos para pacientes com câncer que necessitem se locomover de Ananindeua para tratamento no Hospital Ophir Loyola (HOL), em Belém.

 A palestra “Caminho para o Japão: experiências e aprendizados de uma nova cultura” é o ponto alto da programação paralela da exposição “A beleza do artesanato de Tohoku – Japão”, promovida pelo Consulado do Japão em Belém.
 
 A palestra será hoje, às 16 horas, no Museu de Arte Sacra. Os participantes receberão certificados on-line.

O 1º Engetech Day, um dia voltado para a imersão e experiências relacionadas aos projetos dos cursos de Engenharias, Gestão e Arquitetura, será gratuito e aberto ao público, inclusive para estudantes de escolas públicas.

► As experiências com o robô Lego, clube de drone, invasão hacker, concurso de aeroplanadores e outras tecnologias serão desenvolvidas por alunos e professores da Estácio Belém, à frente do evento, marcado para 7 de maio e já com inscrições abertas.

Os clientes da Equatorial Pará, residentes de Belém, Breu Branco, Pacajá e Magalhães Barata, podem realizar gratuitamente a troca de até cinco lâmpadas nas ações itinerantes que estão ocorrendo nas comunidades.

 Na Região Metropolitana de Belém, as ações estão nos bairros do Telégrafo (Igreja Assembleia de Deus da travessa do Chaco) e Parque Verde (Associação de Moradores do Jardim Sevilha).

► Os documentos exigidos são os pessoais, a última conta de energia e os modelos antigos de lâmpadas (incandescentes ou fluorescentes) para fazer a troca por modelos de led.

Palavras-chave

Repórter 70
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!