Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Vegetarianos reinventam a maniçoba paraense

Ingredientes como soja, grão de bico e castanha dão um novo sabor ao prato típico

Tainá Cavalcante

O cheiro da maniçoba invade as ruas de Belém semanas antes do Círio. Na véspera, casas já exalam o clássico aroma da maniva e suas misturas. A celebração religiosa e alguns pratos típicos, como a maniçoba, o vatapá e até o arroz paraense já são quase sinônimos - chegar em casa no domingo e não ter pelo menos uma das receitas no tradicional almoço do Círio é como se a festividade não estivesse completa.

Em contrapartida, a adesão ao vegetarianismo e veganismo tem crescido em escala relevante nos últimos tempos. O comportamento tem chegado, aos poucos, na capital paraense, que tem registrado um aumento considerável desse público nos restaurantes. Como fazer, então, para conciliar o almoço do Círio - marcado por pratos que tradicionalmente acompanham ingredientes de origem animal - com o nosso típico almoço da celebração?

Uma das opções é adaptar com componentes que substituam os de origem animal, sem tirar a representatividade do prato. Essa foi a alternativa escolhida pela biomédica Ana Paula Schaan. Em transição para o vegetarianismo, ela garante que é possível adaptar a maioria dos pratos à realidade vegana - e afirma que esse movimento tem muito a ver, inclusive, com a essência do Círio de Nazaré.

"Como não sou religiosa, pra mim o Círio sempre foi uma oportunidade de me reunir com amigos e família e comer bem. Inclusive, eu tinha muito receio de me tornar vegetariana e precisar abrir mão desses momentos de celebração com as pessoas que amo. Quando estudei mais sobre o assunto, percebi que o estilo de vida vegetariano/vegano não é sobre ter uma vida difícil e hábitos restritivos, é só sobre abrir mão da crueldade animal e promover a paz para todos os seres. Acho que o Círio é sobre isso também" reflete.

A dificuldade de encontrar restaurantes que oferecessem os pratos prontos, porém, fez com que Ana Paula precisasse aprender a fazê-los. "Certamente a maior dificuldade é encontrar restaurantes que preparem as comidas do Círio sem nada de origem animal. Receitas de comidas paraenses também são difíceis de encontrar na internet, então o jeito é ser criativo" diz, ao desmitificar algo popularmente difundido: de que para fazer comidas veganas/vegetarianas é preciso gastar muito.

"As pessoas tendem a achar que o estilo de vida vegetariano é mais caro em relação à alimentação onívora, mas não é verdade. É só comparar quanto custa 1 kg de carne e 1 kg de vegetais" sugere. "Em relação às comidas típicas do Círio, o que aumenta o preço dos pratos são os ingredientes animais (pato, porco, camarão). Na maniçoba, o porco pode ser substituído por castanhas, cogumelos, tofu (queijo de soja). No vatapá, o camarão pode dar lugar à proteína de soja, grão de bico, castanhas, assim como no arroz paraense" completa.

Por fim, a biomédica argumenta que o Círio "é um momento de agradecer, de reunir as pessoas queridas e pedir por paz" e afirma que o vegetarianismo compartilha exatamente desses valores, "que são de carinho, respeito, paz e compaixão com o próximo, incluindo animais". "Considerando a quantidade de animais que são mortos diariamente para que nos alimentemos, parar de consumi-los é a coisa mais importante que alguém pode fazer para reduzir o sofrimento no planeta" conclui.

RECEITA – MANIÇOBA VEGETARIANA

Ingredientes:
1 kg de maniva pré-cozida por 7 dias200g de castanha do pará

200g de proteína texturizada de soja

150g de cogumelos shimeji (opc.)

03 cebolas picadas

02 colheres de alho picado

4 folhas de louro

Páprica a gosto

1 colher de mostarda em grãos

Sal a gosto

Óleo vegetal pra refogar

Como fazer:
Frite a soja desidratada até dourar e reserve. Em uma panela frite a cebola, alho, mostarda e acrescente a soja, maniva e as folhas de louro. Cozinhe até engrossar e acrescente as castanhas, cogumelo e o restante dos temperos. Para lacto-vegetarianos é possível acrescentar queijo provolone para dar um gosto de defumado. É interessante também acrescentar salsicha vegetariana, se encontrar no mercado.

Onde encontrar maniçoba vegetariana em Belém:
Govinda

Palavras-chave

Círio
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!