Mais de 7 mil pessoas devem puxar a corda do Círio

Estimativa é do Dieese. Público estará disposto ao longo dos 400 metros da corda.

Tainá Cavalcante


O Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos (DIEESE), em conjunto com a Diretoria da Festa de Nazaré, divulgou nesta quinta-feira (10) um estudo que aponta que 7.542 pessoas devem puxar a corda do Círio como promesseiros em 2019. Segundo o órgão, esse número leva em consideração os núcleos, estações e a extensão da corda.

De acordo com o Dieese,  as cordas que serão usadas em 2019, a exemplos dos últimos anos, terão 400 metros de cumprimento com duas polegadas de diâmetro e pesam cerca de 600 quilos cada. A estrutura também permanece: elas são divididas em núcleos (cabeça e berlinda) e cinco estações.

A estimativa do departamento é que 92 pessoas conduzam a corda por dentro do núcleo da cabeça. Já as cinco estações devem ser levadas, cada uma, por cerca de 50 promesseiros, chegando ao número de 342 fiéis entre núcleo e estações.

Em relação a extensão dos 400 metros, o Dieese indica que, levando em consideração medições feitas em 2001, só cabem 12 pessoas na corda (seis de cada lado) por metro linear. Com isso, o número máximo de romeiros seria 4.800. Entretanto, como se sabe que durante o trajeto muitas colocam "mão sobre mão", como define o Dieese, o número máximo sobe de 12 para 18, chegando ao total de 7.200 promesseiros na corda. Somando os 7.200 que vão na extensão da corda com os 342 que acompanham no núcleo e nas estações, o número chega a 7.542.

Círio
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!