Confira as alterações de trânsito no percurso do Círio

O fechamento das avenidas Presidente Vargas e Nazaré vai iniciar logo na manhã de sábado (12)

João Thiago Dias / Com informações da Semob

O trânsito no percurso por onde passará a procissão do Círio de Nazaré 2019 terá algumas alterações. A principal delas é que, tão logo passe a Trasladação, na noite de sábado (12), será liberado o tráfego na avenida Generalíssimo Deodoro, no cruzamento com a avenida Nazaré; na travessa Quintino Bocaiúva, para cruzar a avenida Braz de Aguiar e Nazaré; e a travessa Padre Eutíquio com Rua Gama Abreu. 

A liberação não dará acesso ao percurso do Círio, apenas às transversais, para dar mobilidade ao tráfego, e os cruzamentos voltarão a ser fechados a partir da meia-noite, nos preparativos para a grande procissão do domingo.

O fechamento das avenidas Presidente Vargas e Nazaré se inicia ainda na manhã de sábado para a motorromaria, e as vias assim permanecem até o final da Trasladação. Para evacuar a pista e dar segurança aos romeiros, a Superintendendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob) informou que os motoristas devem lembrar de não estacionar no trajeto da procissão. 

Quem permanecer no local terá os veículos removidos para a área de estacionamento localizado atrás da sede da Prefeitura de Belém, no Palácio Antônio Lemos, e poderão ser resgatados por seus proprietários sem ônus algum.

“Esse guinchamento é por questões de segurança e não é passível de multa. Todos os veículos removidos terão suas placas informadas à Delegacia de Furtos de Veículos (DFV) para caso algum proprietário, ao não localizar o mesmo que havia estacionado no trajeto do Círio, possa ligar e saber se foi retirado do local pelo poder público. Aí basta se dirigir à área de estacionamento da Prefeitura para pegar o veículo”, detalhou o diretor de Trânsito da Semob, Marcos Chagas. “Mas ressaltamos que, para evitar transtornos, os proprietários já evitem deixar seus veículos nas áreas por onde passa a procissão”, acrescentou.

O percurso permanecerá fechado até a Trasladação e os cruzamentos com Generalíssimo, Quintino e mais Padre Eutíquio com Gama Abreu só serão abertos à medida que a procissão for passando, assim permanecendo até à meia-noite.

“Há alguns anos, por sugestão da Secretaria de Estado de Segurança (Segup), todo o trajeto do Círio passou a ser fechado desde a motorromaria, no sábado de manhã, até o final do Círio, na tarde do domingo. Agora vamos experimentar abrir esses cruzamentos estratégicos para garantir a mobilidade das pessoas, visto que a noite do sábado é muito movimentada na cidade, com muitos eventos e também muita gente já circulando para se posicionar para a procissão do domingo. Será uma abertura-teste que, dependendo da avaliação posterior, iremos manter ou não nos próximos anos”, explicou o diretor de trânsito da Semob.

“Os agentes de trânsito são as autoridades no local determinado, então eles têm a autonomia para fazer a abertura e o fechamento desses cruzamentos pré-determinados nos momentos que acharem mais seguros”, alertou.

Trânsito livre

Neste ano, os documentos de trânsito livre emitidos pela Semob a quem mora ou trabalha no trajeto do Círio mudou. Assim como ano passado, para ter acesso ao documento, as pessoas têm que se dirigir ao Centro Social de Nazaré, de segunda a sexta, das 8h às 16h, e comprovar que reside ou trabalha na área, porém, a partir de agora, o trânsito livre é setorizado, dando acesso apenas a um trecho do percurso do Círio.

“Quem reside ou trabalha na travessa Benjamin Constant, por exemplo, terá um trânsito livre que dá acesso a ela chegar a esse ponto, e não a circular pela área da Presidente Vargas ou Ver-o-Peso, por exemplo”, ressaltou Marcos Chagas.

Quem estaciona veículos nos cruzamentos da procissão para dar apoio na distribuição de água também precisa fazer um cadastro para receber o trânsito livre que dá acesso ao local escolhido, onde haverá reserva de vagas para estacionamento. 

Não serão permitidos veículos fechando os cruzamentos, para garantir a mobilidade dos pedestres e de veículos de resgate e emergência. A emissão dos trânsitos livres será até às 16h do dia 11, totalmente gratuita.

Acesso aos hotéis

Outra mudança deste ano é o acesso aos hotéis localizados no trajeto do Círio. Em acordo com todos os estabelecimentos, ficou determinado que, nos períodos de fechamento das transversais, os hotéis disponibilizarão funcionários que ficarão nos pontos de interdição nas avenidas José Malcher, Gentil e Carlos de Carvalho. 

São esses funcionários que, de posse da lista de hóspedes atualizada, permitirão, junto às autoridades responsáveis pelos respectivos fechamentos que táxis, veículos de transporte por aplicativo ou carros de aluguel tenham acesso às transversais para desembarque dos hóspedes ou adentrem nos estacionamentos dos referidos estabelecimentos. 

Um esquema especial foi montado para facilitar essa operação com agentes da Semob, que atuarão na avenida Assis de Vasconcelos e na Doca de Souza Franco; Detran, responsável pela avenida Braz de Aguiar; Guarda Municipal, alocada na avenida José Malcher; ou Polícia Militar, que estará nos arredores da igreja da Sé.

“Com o fechamento total do trajeto, os hotéis reclamavam deste acesso aos seus hóspedes que chegavam de viagem com bagagem e precisavam descer muitas vezes longe para fazer o percurso a pé. Com o trabalho integrado entre a Semob e os hotéis achamos esta alternativa viável para contemplar a todos e dar maior conforto aos turistas que chegam à nossa cidade”, concluiu Chagas.

Círio
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!