Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

San Andrés, o Caribe colombiano

Rodrigo Vieira
San Andrés: Ilha oferece um Caribe mais tranquilo e menos artificial (Rodrigo Vieira)

Em busca de um Caribe menos artificial e mais baratinho? Aposte em San Andrés, ilha de apenas 26 km² que pertence à Colômbia, apesar de ficar a 800 km da costa do país. Você não vai encontrar inúmeros e luxuosos resorts nem pousadas-boutique... Mas San Andrés promete - e entrega - um mar lindo, que os locais dizem ter “siete colores”, e um povo alegre e simpático. 

O Bagagem de Bolso esteve por lá em 2017 e curtiu a experiência. Recomendamos que você alugue um carrinho de golfe (ou a versão turbinada, chamada de “mulita”), um quadriciclo, uma moto ou uma bike elétrica para desbravar a ilha e encontrar o seu lugar preferido. 

San Andrés promete e entrega um mar de sete cores (Rodrigo Vieira)

La Piscinita e West View são dois dos melhores pontos para praticar snorkel. Inclua no seu roteiro passeios de barco a El Acuario, área de piscinas naturais supertransparentes junto às ilhotas de Rose Cay e Haynes Cay, e à praia de Johnny Cay. É muito bonita, mas também repleta de turistas e vendedores. Portanto, vá cedo e prepare-se para ser abordado! 

San Andrés, o Caribe colombiano

Para almoçar ou jantar, vá sem medo ao La Regatta, certamente o restaurante mais conhecido e interessante de San Andrés. Fica na marina, tem um ambiente bem agradável e pratos de frutos do mar gostosos e generosos (preço médio de R$ 55 por prato). Apesar de ser mais caro em comparação com outras opções da ilha, vale a pena!

PROGRAME SUA VIAGEM

Atração: ilha de San Andrés. 

Lugar: Colômbia.

Quando ir: de janeiro a maio, quando chove pouco. Evite ir entre setembro e novembro, quando chove muito e a ilha pode sofrer com a passagem de tempestades tropicais e, até mesmo, furacões.

Quanto tempo ficar: de três a cinco dias. 

Moeda: Peso Colombiano (COP) | R$ 1 = COP 758 (cotação em 06/08/21).

Site oficial: www.sanandres.gov.con

O que saber antes de ir: o certificado de vacinação contra a febre amarela é obrigatório e exigido ao chegar à ilha, ainda não aeroporto.

Por Aqui
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM BAGAGEM DE BOLSO