Cinco lugares em São Paulo bons pra cachorro!

Érica Castro
Frida passeando pela feira de rua da Vila Romana, na Zona Oeste de São Paulo. (Rodrigo Vieira)

Quem não quer passear com o seu pet livremente por aí? A Frida, por exemplo, adora dar um rolê... Infelizmente, dependendo da cidade, essa pode ser uma missão quase impossível. Não em São Paulo, que é um dos lugares mais petfriendly do Brasil.

Na semana em que Sampa completa 466 anos, o Bagagem de Bolso mostra o quanto os amiguinhos são bem-vindos em muitos lugares na Terra da Garoa. Alguns são feitos sob medida para eles e também aceitam humanos... 

Selecionamos cinco passeios que, temos certeza, seu peludo vai adorar!

#1. O cinema Cinesystem, no Morumbi Town Shopping, na Zona Sul, oferece o CinePet. O evento é realizado uma vez por mês e os dias e horários dependem da programação. Há regras essenciais para assistir ao filme tranquilamente com o seu pet: eles devem ficar no colo tutor ou no chão, em frente à poltrona.  As vacinas precisam estar em dia e usar fralda e coleira são indispensáveis. É permitido levar água, porém em recipiente adequado. Já as comidinhas não são aceitas. O ingresso pode ser comprado na bilheteria ou de forma antecipada pelo site da Cinesystem.

Sessão pet friendly no Cinesystem, no Morumbi Town Shopping. (divulgação)

#2. A Padaria Pet, tem três unidades na capital paulistas e uma grande variedades em petiscos exclusivos para eles: muffins, cookies, bolos, sorvetes, sucos, refrigerantes, cervejas, pipocas, congelados... [oh, my Good!]. Em versões normal e diet, para cães filhotes, adultos e idosos. Os produtos são naturais, sem adição de corantes e conservantes, e feitos sob a supervisão de uma equipe de veterinários.  Os preços começam a partir de R$ 2,50 e dá pra comprar por unidade ou por peso.

A Padaria Pet oferece produtos para diferentes perfis e idades de peludos. (Rodrigo Vieira)

#3. A Bráz Pizzaria. A unidade de Perdizes, na Zona Oeste, tem espaço pet friendly logo na entrada. A Frida já foi lá algumas vezes, mas o lugar  também recebe catioros grandes. Ah, e se você escolher as mesas próximas às laterais, terá mais privacidade para curtir o seu dog.

#4. A Gelateria Le Botteghe Di Leonardo. Lá, peludos tem tratamento especial. A gelateria oferece reservatórios de água e de comida e picolés naturais para os cães. Seu "filho" pode desfrutar de snacks feitos com iogurte orgânico, sem lactose e sem açúcar. E frutas frescas ou legumes. No no lugar do palito de madeira, há um ossinho comestível. Não é demais?! Como a Anvisa proíbe a entrada de pet em ambientes fechados, a Le Botteghe Di Leonardo instalou um parklet em frente, que conta com uma área especial para cães. Como regra, o cão deve permanecer preso à coleira.

Picolés para cachorros na vitrine da Gelateria Le Botteghe Di Leonardo. (Rodrigo Vieira)

#5. O Nature Dog House é um espaço exclusivo dedicado aos doguinhos. A casa oferece café, lanches, salgados, doces, petiscos, milk-shakes, açaí e uma variedade em cervejas e até mesmo um SPA. Tem avaliação da veterinária, esteira aquática, natação, acupuntura... Se você quiser curtir um happy hour com seus amigos e não tem com quem deixar seu amiguinho, o ambiente é ideal pra vocês! 
Nos fins de semana e feriados, é cobrada uma taxa de R$8,00 por cão.

Curtiu as dicas? A gente tem certeza que a Frida adorou!

Dica da Frida
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM BAGAGEM DE BOLSO