Homem é preso por atirar com espingarda em boi de 8 mil reais em Oriximiná

Animal estava com 28 perfurações de tiros nas costelas e que o autor do crime seria fazendeiro da região

Redação Integradas

Um agricultor, identificado como Edinaldo Pereira Bastos, foi preso em flagrante pela Polícia Civil, em Oriximiná, oeste paraense, sob a acusação de porte ilegal de arma de fogo e de cometer maus-tratos contra um boi. Ele foi preso no interior de uma fazenda, situada no Ramal do Jatuara, zona rural do município no último domingo (7). As informações foram divulgadas nesta terça-feira (9).

Segundo a denúncia, ele utilizou uma espingarda para atirar no animal da raça Nelore Tabapuã, avaliado em aproximadamente R$8 mil. A prisão foi realizada após os policiais civis receberem uma denúncia sobre o crime feita por um fazendeiro da região. 

Edinaldo Pereira Bastos, foi preso em flagrante pela Polícia Civil, em Oriximiná (Divulgação Polícia Civil)

 

A Polícia Civil foi comunicada de que o boi estava com 28 perfurações por tiros nas costelas e que o autor do crime seria Edinaldo Pereira Bastos. No local, os policiais civis localizaram o acusado. 

Armas apreendidas com o acusado (Divulgação Polícia Civil)

 

Aos policiais, Edinaldo confessou ter atirado no animal, pois, segundo o acusado, o boi teria destruído sua plantação de milho. Com o acusado, os policiais civis apreenderam a espingarda calibre .24, arma que foi utilizada no crime. Durante as investigações no local, os policiais civis apreenderam outra arma de fogo que estava na fazenda.

Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!