Acidente no BRT da Augusto Montenegro vitima duas irmãs. Uma morreu.

Batida envolveu moto e carro de passeio: sobrevivente está na UPA de Icoaraci

Redação Integrada de O Liberal

Uma mulher morreu e outra ficou gravemente ferida após um acidente ocorrido no final da manhã deste sábado (08), no corredor do BRT na avenida Augusto Montenegro, em frente a um supermercado, no bairro do Tenoné. 

De acordo com informações do Corpo de Bombeiros do Pará (CBMPA), o acidente, ocorrido por volta das 11h30, envolveu uma moto e um veículo de passeio. As ocupantes da moto, duas irmãs, foram as únicas feridas. 

Adilma Fialho dos Santos, de 33 anos, morreu no local. Ela estava sem capacete. Ela está na pista, aguardando a remoção do Centro de Perícias Científicas Renato Chaves. O Instituto Médico Legal foi acionado por volta do meio-dia, mas até o momento o atendimento ainda não havia chegado ao local.

Assim que souberam do ocorrido, familiares foram ao local do acidente e o clima é de comoção. A mãe das duas irmãs teve que ser amparada. Ela estava inconsolável.

Alenilma Fialho dos Santos, de 29 anos, que conduzia a moto e estava de capacete, foi levada para a UPA de Icoaraci, na Augusto Montenegro. Ainda não se tem maiores detalhes sobre seu estado de saúde.

Uma das irmãs, sem capacete, morreu no local: causas do acidente ainda são esclarecidas (Via WhatsApp)

SEM SINALIZAÇÃO

A redação integrada de O Liberal ainda apura maiores detalhes sobre as causas do acidente fatal. A Superintendência Executiva de Mobilidade Urbana de Belém (Semob) confirmou, por volta das 12h45, que a moto e o carro envolvidos no acidente estavam na pista do BRT.

Agentes de trânsito que atenderam a ocorrência confirmaram que não há sinalizações na pista orientando retornos, embora seja obrigatória a instalação de placas, mesmo que o trecho esteja em obras.

RETORNO PROIBIDO

Naquele trecho, confirmou a Semob, ainda não há ônibus passando pelo corredor de transporte urbano do BRT. O acidente pode ter ocorrido após uma tentativa de retorno irregular do carro de passeio, ao sair de um estabelecimento comercial no perímetro. A moto e o veículo seguiam nas pistas rumo a Icoaraci.

Com a batida, Adilma Fialho foi jogada a metros de distância. Sem capacete, teve graves ferimentos. Naquele perímetro, o retorno de veículos não é permitido, confirmaram os agentes de trânsito. 

O trecho em obras do BRT não tem grades de proteção no perímetro, que tem grande concentração de estabelecimentos comerciais. Segundo relatos, os retornos irregulares e os acidente são muito frequentes.  

Colisão entre moto com duas pessoas e carro de passeio ocorreu no BRT (Fábio Costa)
Polícia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!