CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X

Bichon Maltês: características, cuidados e curiosidades do cachorro

Carinhosa e muito brincalhona, essa raça é ideal para quem gosta de companhia. Além disso, a aparência fofa esconde um cãozinho extremamente protetor com a família humana.

Maiza Santos

A fofura do Bichon Maltês conquista qualquer pessoa logo de cara. No entanto, esse pet também é inteligente, gentil e bastante brincalhão. Carinhoso, ele adora ser o centro das atenções e, algumas vezes, prefere não dividir a atenção da família humana com outras pessoas ou pets. Extremamente protetor e determinado, esse cãozinho chega a ser bastante teimoso. Confira as características, cuidados e curiosidades do Bichon Maltês:

VEJA MAIS

image Fox paulistinha (Terrier brasileiro): características, cuidados e curiosidades do cachorro
Dono de uma energia fora do comum, essa raça é famosa por sua lealdade e companheirismo. Ele também faz parte de uma das poucas raças consideradas totalmente brasileiras.

image Rottweiler: características, cuidados e curiosidades do cachorro
Leal, companheiro e protetor com quem ama são as características mais marcantes dessa raça. Além de robustos, eles também são amigáveis, quando bem educados

image São Bernardo: características, cuidados e curiosidades do cachorro
Muito companheiro e gentil, essa raça chama atenção pelo tamanho gigante, temperamento calmo e uma paciência notória.

O temperamento e socialização do Bichon Maltês dependerá da maneira que ele for criado. Por isso, não é de se surpreender se o pet for muito amigável com estranhos ou agressivos e desconfiados. Geralmente, ele se dá muito bem com crianças e outros pets. Naturalmente agitado, ele ainda consegue se adaptar muito bem à rotina do tutor. Por isso, a raça tem sido adotada como companhia de idosos e pessoas com mobilidade reduzida.

image Cachorro e gato podem ter diabetes? Saiba como a doença se manifesta nos pets
O diabetes em animais é muito semelhante a doença nos humanos, ou seja, por inúmeros motivos, o organismo do pet deixa de produzir insulina ou a produz em quantidade insuficiente para suas necessidades

image Seu pet comeu o que não devia? Saiba o que fazer no caso de ingestão de corpos estranhos
Muitos animais costumam comer tudo o que veem pela frente, mas esse hábito pode trazer riscos à saúde dos pets

Características

Mesmo com o tamanho pequeno, o corpinho do Maltês é alongado, chegando a medir de 25 a 28 centímetros. A cabeça é ligeiramente mais longa que o focinho. Os olhos, de coloração ocre escuro, e a expressão, são bem vivos e atentos. Ele pode pesar até 3 kg.

A raça não apresenta variação de cores. A pelagem mais comum é totalmente branca, mas é possível encontrar cães com tons de marfim e nuances mais escuras nas orelhas e patas. Os pelos costumam ser mais longos em volta da cabeça, mas também são destacados ao longo do corpo. Ele pode viver entre 8 a 13 anos.

image Cachorro comendo mato: entenda porque isso acontece
O ato do pet comer grama da rua pode causar estranheza aos tutores. Mas, isso acontece, porque o cachorro tenta "aliviar" a dor que sente

image Cachorro vomitando? Saiba o que pode ser
Problemas como ingestão de objetos estranhos, alterações no fígado e estômago vazio podem ocasionar o vômito no pet; saiba mais

Saiba quais são os principais cuidados:

  • Pelo: para manter o pelo do maltês bem macio, branco e livre de nós, é preciso escová-lo diariamente e dar banhos regulares. Como os fios costumam ser finos, tendem a embaraçar bastante. Opte por um condicionador próprio para o pelo e para a raça, isso facilita a escovação e evita que o pet sinta dor quando for escovado. O condicionador também ajuda a tirar a estática do pelo e evita que ele se quebre.
     
  • Dentes: como o maltês tem uma tendência a desenvolver tártaro, é importante adotar a escovação regular dos dentes de seu cachorro.
     
  • Unhas: as unhas também devem ser cortadas regularmente, para evitar que se quebrem na raiz, o que machuca o cachorro.
     
  • Manchas lacrimais: as manchas por conta das lágrimas e do contato com a água e a comida, por exemplo, podem ser um problema. Atualmente existem produtos específicos para a limpeza dos olhos e focinho, além de shampoos e rações que prometem minimizar essa questão.
     
  • Alimentação: um probleminha comum do maltês é a tendência ao sobrepeso. Portanto, o cãozinho deve manter bons hábitos alimentares, com refeições balanceadas, aliadas às atividades físicas e brincadeiras diárias.
     
  • Saúde do coração: o maltês tende a ser bem saudável, mas pode apresentar algumas condições típicas da raça, como problemas no coração. A persistência do canal arterial é uma doença cardíaca caracterizada pela má formação do canal arterial, que existe no cachorro enquanto ele está na barriga da mãe, e impede que ele se feche depois do parto. Se o maltês começar a apresentar cansaço excessivo, dificuldade para respirar e perda de peso, leve-o ao veterinário.
image Maltês (Reprodução: Dog Hero)

O maltês late muito?

Sim. Por ser corajoso, o maltês não costuma conter o latido, o que pode gerar problemas com seus vizinhos por causa do barulho. Para controlar esse comportamento, às vezes é necessária a ajuda de um adestrador.

image Suplemento para cachorro: para que serve?
A suplementação garante desenvolvimento e qualidade de vida para o pet

image Dálmata: características, cuidados e curiosidades do cachorro
Além de charmosa, essa raça é muito amorosa com a família humana, leal àqueles que gosta, desconfiada com estranhos e extremamente ativa, chegando a ser um tanto inquieta

O Maltês solta muito pelo?

A queda de pelo é quase inexistente por ele ter somente uma camada de pelo.

Maltês é destruidor?

Pode ser. Extremamente fiel e carinhoso, o maltês adora companhia, e também por isso detesta ficar sozinho. Ele pode desenvolver o que se chama de ansiedade de separação. Se isso acontecer, a raça pode demonstrar sua insatisfação de forma espalhafatosa e destruidora.

image Dachshund (Cão salsicha): características, cuidados e curiosidades do cachorro
O famoso ‘salsichinha’ é bastante elétrico, adora brincar e correr. Essa raça é muito independente e está sempre de prontidão para proteger a casa e a família humana.

image Chow-chow: características, cuidados e curiosidades do cachorro
Peludo e imponente, essa raça é bastante fechada e desconfiada com estranhos. Quem deseja ter um Chow-Chow precisa se acostumar com a ideia de que não vai receber muitas visitas em casa.

O maltês é agitado?

Depende. O maltês adora brincar e está sempre atrás do tutor com uma bolinha ou outro brinquedo que ele adore. Apesar disso, é um cachorro que tende a se adaptar ao estilo do tutor com bastante facilidade, já que é um dos cães com mais afinidade com os humanos. 

image Pet Liberal: como cachorro pega raiva? Veja sintomas e como prevenir
Um cão com raiva é perigoso tanto para os pets como para humanos; entenda

image Golden Retriever: características, cuidados e curiosidades do cachorro
Considerado por muitos como o ‘cão dos sonhos’, essa raça é inteligente e companheira. Além do mais, os Golden são dóceis, ativos e gostam de agradar a todos, o que os tornam ótimos cães-guia

Maltês vive bem em apartamento?

Sim, o Maltês vive muito bem em apartamentos. Uma dica é dar atenção especial quando filhote para acostumá-lo a ficar sozinho por alguma parte do dia, se você achar importante isso para quando ele ficar adulto.

image Pug: características, cuidados e curiosidades do cachorro
Essa raça costuma ser muito companheira e astuta. Além de ter facilidade para demonstrar amor por seus tutores a todo tempo, ficando sempre ao lado deles e brincando muito.

image Pitbull: características, cuidados e curiosidades do cachorro
Ao contrário do que muitos pensam, essa raça é carinhosa e muito companheira. A personalidade do Pitbull, como a de qualquer outro cão, vai depender de como ele for criado e domesticado.

O Maltês pode ficar sozinho em casa?

Não é um cão para se deixar sozinho em casa já que ele se apega muito ao tutor. Ele pode sofrer de ansiedade de separação.

image Maltês (Reprodução: Pixabay)

Maltês se dá bem com crianças?

Quando acostumado desde filhote, o maltês passa a adorar brincar com crianças. Por ser muito ativo, ele gosta de correr para gastar energia e se divertir trazendo bolinhas e fazendo arte para chamar a atenção.

image Pode dar dipirona para cachorro?
O remédio é comum para humanos, mas o que você, talvez, não saiba, é que ele também pode ser prescrito a cachorros

image Husky Siberiano: características, cuidados e curiosidades do cachorro
Uma das raças mais amigáveis que existem, o Husky é gentil, atento e muito independente. Esse pet é um ótimo companheiro para quem tem filhos, pois ama crianças

Como cuidar de um filhote de Maltês?

Como todo cãozinho, o filhote de Maltês precisa de vários cuidados importantes. Antes de adotar um,o tutor deve verificar se o pet foi devidamente vacinado e vermifugado. Vale lembrar que o novo lar do cãozinho deve estar adaptado, com proteções contra acidentes domésticos, um cantinho próprio e confortável, além de uma rotina adequada às atividades diárias.

Espere até que o filhote tenha no mínimo oito meses de idade para fazer exercícios mais pesados, como caminhadas mais longas. Além disso, separe um espaço no quintal, ou até mesmo dentro de casa, para a realização das exercícios antes dessa fase.

image Como cuidar de um pet filhote? Saiba qual é a alimentação certa para cada raça
A médica veterinária Josyanne Christine ensina cinco dias de como cuidar do pet filhote

image Poodle: características, cuidados e curiosidades do cachorro
Brincalhões, muito inteligentes e extremamente fiéis aos tutores, a raça também adora nadar e gastar energia

image Maltês (Reprodução: Pixabay)

Quantas vacinas um Maltês tem que tomar?

6 a 8 semanas

- V8 ou V10 (primeira dose):  para prevenir contra Cinomose, Hepatite Infecciosa Canina, Adenovírus Canino Tipo 2, Coronavírus Canino, Parainfluenza Canina, Parvovírus Canino e Leptospirose.

12 semanas

- V8 ou V10 (segunda dose)

- Gripe Canina: previne contra Adenovírus Canino Tipo 2, Parainfluenza Canina e Bordetella bronchiseptica.

- Giardíase: indicada para animais que vivem em grupos.

- Antirrábica: previne contra a raiva

16 semanas:

- V8 ou V10 (última dose ou reforço)

- Gripe Canina (dose de reforço)

- Giardíase (dose de reforço)

image Carrapato em cachorros: onde pega, como evitar e o que não fazer
Todos os cães estão sujeitos a contraírem o parasita, mas existem formas de prevenir e cuidados ao tratar

image Chihuahua: características, cuidados e curiosidades do cachorro
Um dos menores cães do mundo, o Chihuahua é conhecido por ser corajoso, atrevido e brincalhão. Muito fiel, ele mantém um vínculo forte e duradouro com seus tutores. Entenda mais sobre essa raça

Vacina para Maltês adulto

O cão deve receber anualmente uma dose de cada vacina:

  • V8 ou V10
  • Gripe Canina
  • Giárdia
  • antirrábica

A melhor maneira de organizar o calendário de vacinas é fazer todas elas em uma mesma data. Além disso, é muito importante que o tutor tenha em mãos uma carteirinha de vacinação com o histórico de vacinas do pet. Assim, o veterinário pode avaliar quais precisam ser reforçadas.

image Quem atropela cachorro tem que pagar? Veja para quem ligar e de quem é a responsabilidade nesse caso
Não existe lei específica para punição de condutores que atropelam animais, no Brasil; Em alguns casos, condutor pode até mesmo ser ressarcido por eventuais danos causados pelo acidente com o pet

image Como dar nome a um novo cachorro ou gato: conheça opções criativas
O portal O Liberal.com separou dicas de quais nomes para dar a novo animal de estimação. Veja dicas para escolher e não confundir o animal

Curiosidades

  • Ele está presente na pintura da tapeçaria “A dama e o unicórnio”. Esse cão foi muito apreciado por grande figuras no decorrer dos séculos;
     
  • O Maltês pequeno e doce é um dos favoritos de celebridades, incluindo Halle Berry, Heather Locklear, e Eva Longoria;
     
  • Embora o maltês tente agradar ao tutor, ele pode ser difícil de ser treinado;
     
  • Os egípcios e séculos depois muitos europeus, pensavam que o Maltês tinha a capacidade de curar as pessoas de doenças e colocavam um no travesseiro de uma pessoa doente. Isso inspirou um de seus nomes: “O Consolador”;
     
  • Durante o reinado de Henrique VIII, o Maltês chegou às Ilhas Britânicas. Até o final do século 16, o Maltês tinha se tornado um animal de estimação favorito para senhoras da nobreza e realeza;
     
  • O cãozinho foi um dos favoritos da rainha Elizabeth I, Mary Queen of Scots, e Rainha Vitória;
     
  • Numerosos pintores, incluindo Goya e Sir Joshua Reynolds, incluiu esses cães pequenos em seus retratos de mulheres bonitas.

image Como cuidar de um cachorro ou gato antes e após castração?
Confira um mini manual de o que fazer para ajudar o animal de estimação ter uma recuperação melhor

image Yorkshire: características, cuidados e curiosidades do cachorro
Os yorkies podem viver até 17 anos e são muito apegado aos seus tutores. A raça de pequeno porte pode viver em apartamento, mas odeia ficar sozinho, podendo desenvolver ansiedade e estresse

(Estagiária Maiza Santos, sob supervisão do editor executivo de OLiberal.com, Carlos Fellip)

 

Pet Liberal
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS DE PET LIBERAL