Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Conquista é meta!

Insumo imprescindível a muitas indústrias, o cobre também é protagonista de conquistas e avanços sociais

Lorena Filgueiras

Nívia Costa, analista de Sustentabilidade Salobo, é responsável ainda por ações do Comitê Social do Projeto Salobo III. Trabalhando há uma década na Vale, a engenheira agrônoma de formação, dialoga diretamente com as comunidades e neste bate-papo explica a importância dessa conexão, bem como os resultados positivos advindos de quando há diálogo e respeito entre as partes.

Nosso Minério: Como foi que uma engenheira agrônoma passou exercer esse papel tão importante, que é ser analista de Sustentabilidade? Como se deu sua entrada na Vale?

Nívia Costa: Entrei na Vale em 2011, em Marabá/PA, como analista de Responsabilidade Social, onde permaneci por, aproximadamente, 18 meses. Na ocasião lidava com os Programas ambientais e socioeconômicos, no âmbito do licenciamento ambiental vinculados à Secretaria do Estado de Meio Ambiente – SEMA, atuando especificamente na gestão e fiscalização de contratos e convênios ligados aos Programas de Educação Ambiental para os públicos internos e externos, Programa de Preparação para o Mercado de Trabalho, Programa de Atenção à Saúde Básica, Programa de Atenção ao Migrante e Programa de Educação Sexual e Promoção da Saúde.

Nosso Minério: E como chegaste a Salobo?

Nívia Costa: Posteriormente, fui transferida para o Projeto S11D, em Canaã dos Carajás/PA, oportunidade em que fazia o acompanhamento e o monitoramento das atividades socioeconômicas, voltadas a gestão de impactos ambientais, sociais e econômicos, exigida pelo Órgão Ambiental Licenciador, o IBAMA, e a implantação da Política de Sustentabilidade da Empresa, na expectativa do fortalecimento social, do desenvolvimento das vocações econômicas regionais e da conservação e recuperação ambiental do território onde o empreendimento está inserido. Há cerca de 2 anos estou no Projeto Salobo III, acompanhando a execução dos Programas Socioeconômicos voltados aos trabalhadores e comunidades do entorno do Projeto, bem como na coordenação do Comitê Social, composto por líderes e analistas Vale de setores como: Relacionamento com a Comunidade, Relacionamento Institucional, Imprensa, Comunicação, Segurança Empresarial, Recursos Humanos e Sustentabilidade Norte.

Nosso Minério: Podes detalhar um pouco mais do que se trata o Comitê Social? Quais são, especificamente, as atribuições dele?

Nívia Costa: Trata-se de um fórum de debates, de iniciativa do Projeto, liderado pelo Gerente Executivo, que possibilita a ampliação da percepção conjunta de seus integrantes sob a ótica da análise das dinâmicas ambientais, sociais e econômicas locais, na busca de uma maior e melhor compreensão dos impactos positivos e de possíveis impactos negativos apontados por lideranças e moradores do entorno, em fóruns específicos existentes em cada comunidade, constituídos por sociedade civil, poder público e Vale, denominados Comitês Gestores. A expectativa é acolher as decisões homologadas pelas assembleias comunitárias, após uma análise circunstancial das dinâmicas, na perspectiva de minimizar prováveis efeitos negativos gerados na área de influência direta do empreendimento, de maneira a estreitar as relações sociais e impulsionar a economia local trazendo benefícios para ambas as partes.

Nosso Minério: Estamos no sexto fascículo, que traz o Cobre. Gostaria que falasses como o cobre é convertido em benefícios. Como eles retornam à sociedade? Quais são os impactos positivos e quais comunidades/municípios são diretamente beneficiados? 

Nívia Costa: Por se tratar de um empreendimento que se encontra na fase de implantação, onde o objetivo é buscar a Licença para Operar, a partir da execução de ações à luz das condicionantes ambientais, exigidas pelo IBAMA, como também a execução de ações mitigadoras, no contexto da Política de Sustentabilidade da Vale, os benefícios à sociedade traduzem-se, primeiramente, a levar ao conhecimento dos moradores locais (Vila Sanção, Vila Paulo Fonteles e APA do Igarapé Gelado) a caracterização do futuro empreendimento e a promover o diálogo sobre os possíveis impactos e as respectivas medidas de mitigação, oportunidade em que os moradores locais participam efetivamente das tomadas de decisão sobre a qualidade do ambiente onde eles vivem, do ponto de vista ambiental, social e econômico. Desde o início da implantação, em novembro de 2018, têm sido oportunizadas vagas de emprego nas empresas vinculadas ao Projeto Salobo III, para trabalhadores moradores das Vilas locais. Em março de 2021, por exemplo, chegou-se a um percentual de 10,6% do total de empregados de 15 terceirizadas que contratam trabalhadores moradores das comunidades, equivalendo a 713 pessoas com vínculo empregatício no local.  Estas são provenientes das Vilas Sanção, Paulo Fonteles, APA do Igarapé Gelado, Palmares Sul e Palmares II. O Comitê Social aprovou a solicitação oriunda das comunidades voltada às contratações de bens e serviços gerados por fornecedores instalados nas Vilas Sanção e Paulo Fonteles, recomendando a área de Suprimentos da  Vale, a prática da simplificação do cadastramento, a contratação e o desenvolvimento de 14 fornecedores sociais, previamente mapeados, de modo que estes possam negociar e vender seus produtos diretamente ao Salobo III, ao Salobo Operação e, ainda, qualquer outra empresa instalada no município e/ou região. A experiência tem trazido ganhos sociais na perspectiva da melhoria econômica e financeira dos fornecedores que atualmente negociam com a empresa. Os seus produtos (bens e/ou serviços) uma vez valorizados e comercializados acabam impulsionando a economia do lugar, a partir do momento em que o dinheiro, oriundo das vendas, é “injetado” neste mesmo local. O aumento do capital gerado tem possibilitado aos fornecedores investir na melhoria de seus produtos, serviços e infraestrutura dos estabelecimentos aprimorando, significativamente, o desempenho de suas atividades e, consequentemente a aderência às metas e objetivos da empresa.

Nosso Minério
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

Últimas de Nosso Minério