Ativistas ameaçam paralisar ruas centrais de Londres

Ambientalistas contrários às mudança climática querem pressionar o governo a fazer mais pela causa

Agência Reuters

Manifestantes ambientalistas estão planejando paralisar partes da região central de Londres nos próximos dias com o bloqueio de algumas das mais movimentadas ruas da cidade na tentativa de forçar o governo a fazer mais para combater a mudança climática.

Os manifestantes planejam bloquear o tráfego no Marble Arch, Oxford Circus, Waterloo Bridge, Parlament Square e no Piccadilly Circus a partir de segunda às 11h (horário local, 7h em Brasília). Os bloqueios devem continuar dia e noite em cada um desses lugares e manifestantes afirmam que os protestos podem durar cinco dias.

"Vamos pacificamente bloquear o tráfego o tempo todo. Será um festival em escala total de resistência criativa, com reuniões de pessoas, ações artísticas, performances, conversas, workshops, comida e espaços para as famílias", disse o Extinction Rebellion, grupo que organiza os protestos.

O grupo, que ganhou as manchetes com manifestantes seminus na Câmara dos Comuns do Parlamento britânico neste mês, alertou seus membros que alguns deles podem ser presos por participarem de desobediência civil não-violenta.

O grupo reivindica que o governo declare emergências climática e ambiental, reduza as emissões líquidas de gases do efeito estufa a zero até 2025 e crie uma Assembleia de Cidadãos composta por membros do público para liderar decisões para lidar com a mudança climática.

Mundo
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!