Presidente do Paysandu retorna do Rio de Janeiro com boas novidades

Copa Verde terá sua disputa no segundo semestre conforme posição do diretor da CBF, Manoel Flores

Ricardo Gluck Paul, presidente do Paysandu, passou dois dias no Rio de Janeiro tratando de assuntos relacionado ao futebol bicolor, além de participar de eventos sob cunho da Confederação Brasileira de Futebol (CBF)  como o Seminário Sobre Licenciamento de Clubes da Série B. O Paysandu mesmo na Série C, teve a honra de participar do seminario como convidado especial. " O regulamento de Licença de Clubes estabelece a estrutura, procedimentos e os critérios técnicos que serão exigidos para a disputa das competições nacionais e internacionai. A obtenção de licença será essencial para um clube brasileiro participar das competições continentais da Conmebol na temporada 2018: Copa Libertadores da América, Copa Sul-Americana e Recopa e para os campeonatos nacionais, a CBF elaborou um cronograma gradativo para adoção em cada temporada", contou por telefone. 
Ricardo, contudo, destacou com essencial o encontro com Manoel Flores, diretor de competições da CBF, em que a disputa da Copa Verde de 2019 foi assunto principal. " O que posso dizer agora é que a Copa Verde pode ser disputada no segundo semestre. O Manoel Flores vem cuidando da logistica. Já é um avanço e também uma tranqulidade da posição da CBF com relação à Copa Verde", disse. Ricardo chega em Belém nesta sexta-feira. Ainda na conversa telefônica contou que a CBF está tratando com um canal de TV para cobertura do Campeonato Brasileiro da Série C.
O dirigente ainda enfatizou contatos com um empresários sobre captação de recursos para aplicar na construção do Centro de Treinamento do clube. " Conversei com pessoas sobre o nosso CT apresentando o projeto. Vamos aguardar posição deles", comentou.
 

Paysandu