Corpo do atleta do basquete amapaense foi localizado pelos Bombeiros

Carlos Igor estava na companhia de amigos no trapiche quando caiu no rio e sumiu. O atleta não sabia nadar

O corpo do jogador Carlos Igor Duarte, de 18 anos, do basquete amapaense, desaparecido na tarde de domingo (6) no rio Matapi, no município de Santana - AP, onde nadava, foi localizado pelos Bombeiros na manhã desta segunda-feira, 7.

De acordo com as informações da equipe de resgate,  o corpo do atleta foi encontrado nos arredores da comunidade Areal do Matapí, a poucos metros de trapiches onde banhistas costumam frequentar e onde Igor e seus amigos estariam fazendo um churrasco. O resgate ocorreu duas horas após buscas iniciadas pelos Bombeiros e Polícia Militar.

Pelos detalhes colhidos pelo comandante das operações, major Eder Prado, o jovem não sabia nadar e os amigos tentaram salvá-lo logo após ele ter mergulhado, mas não conseguiram trazê-lo. O corpo do jovem foi encontrado preso entre galhos, a cerca de 10 metros de profundidade, sem sinais vitais.

Carlos Duarte era considerado como uma das principais promessas do basquetebol amapaense. O jogador havia disputado diversas competições nacionais como os jogos escolares e era o armador principal do time Clube Praça de Fátima que disputou o Campeonato Amapaense Adulto de Basquete em 2018.
Nesta segunda-feira (7), vários jogadores que atuaram com Carlos Duarte e alguns clubes amapaenses usaram as redes sociais para se despedirem do jogador e dar os pêsames aos famíliares do atleta.

Mais Esportes
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!