Cerimônia lança Campeonato Paraense 2019

Governo do Pará é o maior patrocinador, com repasse de mais de R$4 milhões

Redação Integrada

Uma cerimônia realizada no Teatro Maria Sylvia Nunes, na Estação das Docas, nesta quarta-feira (9), abriu as programações relacionadas ao Campeonato Paraense de 2019. O governador do Pará, Helder Barbalho, disse que foi contratualizado entre a executiva estadual, os clubes e a Federação Paraense de Futebol, recursos na ordem de R$4,2 milhões, sendo que os valores serão utilizados na viabilização do campeonato, o que faz do Governo do Pará o maior patrocinador da competição.

O Parazão deste ano, que começa no próximo dia 19 de janeiro, terá 10 clubes, tendo a dupla Remo e Paysandu como protagonistas. "Aquilo que couber ao Governo do Estado e aos seus órgãos correlatos à atividade esportiva, faremos todos os esforços para aprimorarmos, fazendo do Campeonato Paraense de 2019 o melhor da história", disse Helder, que lamentou as atuais condições do estádio Mangueirão. "Visitei as instalações do Mangueirão e o que vi me deixou entristecido". Barbalho também garantiu que fará obras para deixar o estádio em condições de receber os jogos. 

A partida entre Remo e Tapajós, pela primeira rodada do Parazão, foi adiada por conta destes problemas estruturais, que estão no lado A do estádio, onde pedaços do teto desabaram. O setor entrará em obras. O presidente da Federação Paraense de Futebol, Adelcio Torres, comentou sobre o adiamento do jogo do Remo, em função de adequações necessários no estádio Mangueirão. "Não pode pôr em risco o nosso torcedor", avisou. O jogo Remo e Tapajós deve ser realizado no próximo dia 27.  

Vice-presidente da FPF, Maurício Bororo, elogiou a disposição do governo. "O Governo é o maior patrocinador do campeonato. Isso se dá pela transparência da FPF".

O Governador do Pará também frisou que a ideia é concluir as obras do Estádio Colosso do Tapajós, em Santarém. "Temos a responsabilidade de concluir o estádio de Santarém", ponderou Helder. 

Futebol
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!