Gestão de Negócios

Iris Penha

Analista Profiler de Perfil Comportamental com certificação internacional; mentora na área de Gestão de Negócios com MBA em Marketing pela FGV e Licenciatura Plena em Matemática pela UFPA. Atuante no mercado empresarial há 12 anos nas áreas de marketing, vendas, divulgação, atendimento ao cliente e planejamento orçamentário de empresas de médio e grande porte.

Liderança através do espelho

Veja além do agora para transformar pessoas e realidades de forma positiva

Iris Penha

Que mudanças são necessárias para ter uma liderança transformadora no âmbito corporativo?

Esse pergunta por si só responde de forma ampla o que é necessário, MUDANÇA. As pessoas andam presas em muitos conceitos e desenvolvem uma liderança muita das vezes robotizadas, achando que o que dá certo em um lugar dará certo em todos os lugares.

O indivíduo que foi colocado para liderar um grupo, precisa acima de tudo entender que na liderança existe algo chamado processo, ou também podemos chamar de fases. É como uma pessoa que tem seu período de infância e passa por muitas situações até chegar na fase adulta.

O que vai tornar uma liderança transformadora será justamente a forma como esses processos desde a fase embrionária até a fase adulta serão gerenciados e aproveitados para alcançar o objetivo.

O entendimento desse contexto é simples. Compare com a sua vida, faça uma viagem ao passado e pince as coisas principais que aconteceram na sua vida e o que você precisou passar para chegar até onde você está. Construir uma liderança com o perfil abordado neste artigo é entender que será necessário viver essas fases de desenvolvimento.

Vejamos alguns exemplos que você mesmo pode responder. Durante sua jornada você precisou enfrentar desafios? Passou por algumas tempestades? Precisou arriscar em alguma situação?

Se você respondeu sim a pelo menos duas dessas perguntas é porque está claro que para alcançar algo transformador e que faça a diferença será importante passar também por desafios, por tempestades, arriscar, dentre outras coisas, para que se tenha uma liderança ideal às necessidades do ambiente onde você exerce essa liderança.

Existem locais que quando você olha, pensa, caramba!? Aqui não tem como liderar e ter resultados! Mas arriscar e, ao mesmo tempo, acreditar no impossível pode ser um bom começo pra mudança. Porque o bom líder ele não desiste no primeiro desafio, então, porque não pensar assim: "acreditar no impossível, é acreditar que é possível".

É juntar tudo que tem e caminhar em direção ao crescimento, usar das habilidades que já tem para enfrentar e vencer os obstáculos e situações do presente. Aprender com erros do passado e até mesmo com erros do presente. Até porque não são os erros que vão determinar a história de sucesso de uma liderança e sim o resultado do que se aprendeu com eles.

Aproveite para realizar mudanças. Sonhar e realizar através da criatividade, que é uma característica humana muito preciosa. Somos seres criativos e essa característica deve ser colocada em evidência. Isso pode começar através de uma coisa que o líder também precisa saber fazer, as perguntas certas.

Daí por diante, disciplina, sensibilidade, ser democrático, humildade, etc. Através do espelho é ver além do agora e usar todas essas características juntamente com carisma para transformar pessoas e realidades de forma positiva. Assim, será possível desenvolver formas de fazer com que o time equilibre esforços para que as metas determinadas sejam cumpridas.

Gestão de Negócios