Gestão de Negócios

Iris Penha

Analista Profiler de Perfil Comportamental com certificação internacional; mentora na área de Gestão de Negócios com MBA em Marketing pela FGV e Licenciatura Plena em Matemática pela UFPA. Atuante no mercado empresarial há 12 anos nas áreas de marketing, vendas, divulgação, atendimento ao cliente e planejamento orçamentário de empresas de médio e grande porte.

Empresa em busca da "marca empregadora"

Empresas precisam de líderes, mas é necessário identificar algumas características

Iris Penha

Para atender uma clientela cada vez mais exigente e um mercado ávido por respostas precisas e rápidas, as empresas vêm reconhecendo a importância do capital humano, e que isso traz longevidade e sucesso nos negócios.

Esse entendimento deve ser o mesmo, independente do porte ou área de atuação da empresa. Ter hoje um diferencial competitivo começa em ter pessoas treinadas que venham ao encontro do que o mercado está em busca, produtividade e criatividade. Construir times fortes e prontos para superar desafios.

As empresas precisam de líderes, mas é necessário identificar algumas situações. Essa pessoa que vai assumir a função tem condições psicológicas para estar à frente desse trabalho? É algo pertinente para que no futuro não venham descobrir que houve investimentos e gastos desnecessários com essa pessoa.

Reduzir rotatividade é algo primordial, e que só pode ser alcançado se a empresa escolher os melhores métodos para seleção e contratação. Contratar pela quantidade de títulos em um currículo não é mais garantia que terá um profissional adequado para o trabalho.

As informações devem lhe dá condições de identificar se a pessoa que vai contratar vai atender as necessidades atuais da empresa e o nível de interesse e sua identificação com o tipo de trabalho.

Hoje é crucial ter pessoas produtivas, normalmente são elas fiéis à empresa, e apresentam um nível alto de satisfação. Ter uma marca empregadora é ter baixo turnover e isso só é possível quando há investimento adequado neste cliente interno.

Principalmente com relação a estar em unidade e entender de forma igual como funciona o negócio da empresa.

Gestão de Negócios