Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Saques da primeira parcela do auxílio emergencial começaram este mês

Transações seguem um calendário específico que encerra somente em 17 de maio

Redação Integrada

As movimentações para saque ou transferência da primeira parcela do auxílio emergencial estão sendo liberadas gradativamente aos beneficiários do programa. Os pagamentos iniciaram na última sexta-feira (30) para os nascidos em janeiro e seguiram ontem (3) para os que nasceram em fevereiro.

As transações seguem um calendário específico que encerra somente em 17 de maio, quando a opção de saque em dinheiro será liberada a quem faz aniversário em dezembro. Já a partir de 16 de maio inicia um novo ciclo de pagamento aos beneficiários com crédito em poupança social digital, e no dia 18 de maio para atendidos pelo programa Bolsa Família.

Para atender os trabalhadores, as agências da Caixa funcionam de segunda a sexta-feira, das 8h às 13h. O banco orienta os usuários a não madrugar ou chegar antes do horário de abertura, pois todas as pessoas que procurarem atendimento durante o horário de funcionamento serão atendidas.

Além disso, os beneficiários podem movimentar os recursos do auxílio pelo aplicativo Caixa Tem e na Rede Lotérica de todo o país. Por meio do aplicativo, o usuário faz o login e seleciona as opções “saque sem cartão” e “gerar código de saque”. Após isso, um código de saque será informado na tela do celular e poderá ser utilizado para saque em dinheiro nas agências, nas unidades lotéricas ou nos correspondentes Caixa Aqui. Os beneficiários também tem a possibilidade de utilizar os recursos de forma digital para realizar compras, por meio do cartão de débito virtual e QR Code, pagamento de boletos, contas de água, luz, telefone, entre outros serviços.

A prorrogação do auxílio emergencial em 2021 conta com recursos da ordem de R$ 44 bilhões, liberados via proposta de emenda constitucional. De acordo com o Ministério da Cidadania, cerca de 40 milhões de pessoas são atendidas com o programa que neste ano será pago em quatro parcelas com valores que variam de R$ 150 a 375.

Economia
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM ECONOMIA

MAIS LIDAS EM ECONOMIA