Exposição "Experiência Vertigem" apresenta um novo olhar sobre a Amazônia

Mostra será aberta nesta quinta-feira, 14, no Museu da UFPA, com 30 obras de artistas nacionais e um internacional

Ana Carolina Matos

Vivências singulares de diversos artistas e olhares distintos sobre a Região Amazônica dão o tom da exposição "Experiência Vertigem" da Coleção Amazoniana de Arte da Universidade Federal do Pará (UFPA), que traz novas aquisições do Fundo Z e de doações dos próprios artistas participantes. O vernissage da exposição será nesta quinta-feira, 14, às 19h, no Museu da UFPA. A entrada é franca.

Curador e coordenador da mostra, o professor Orlando Maneschy esclarece que os trabalhos esmiúçam e retratam uma relação de intimidade com a Amazônia, pautada no compromisso. "Abordamos o tipo de relação que o artista tem com a Amazônia. Não precisa, necessariamente, nascer aqui mas precisa ter uma relação intensa, ética, ter uma conduta em relação ao outro, uma postura de estar com a Amazônia, um posicionamento em relação ao outro, uma boa relação com esse lugar, a construção de um discurso", explica.

Intrigante, a floresta amazônica é o mote principal da exposição, que busca romper com estereótipos e com a visão que parte dos colonizadores. O trabalho surgiu de uma pesquisa iniciada há mais de dez anos, na UFPA. "Essa pesquisa nasceu na UFPA e já foi contemplada por vários prêmios, como o edital Conexões, da Funarte (Fundação Nacional de Arte), por exemplo, em que construímos, em 2012, um primeiro recorte. Nesse primeiro momento, seriam apenas seis artistas, o que ampliou para 30, porque algumas obras foram doadas por mim. Depois disso, fizemos duas exposições, uma intervenção urbana, mostra de cinema no Olympia com obras que constituem a exposição...", detalha.

Obra do artista peruano Giuseppe Campuzano, "Dolorosa", está na mostra Experiência Vertigem (Divulgação)

"Nós recebemos doações em 2016, do Fundo Ver - que é um fundo privado que vem apoiando vários museus, como o de Arte do Rio de Janeiro - que doou obras de nove artistas", acrescenta Maneschy.

As obras em exposição levam a assinatura de grandes nomes da cultura paraense e brasileira, entre eles, Eder Oliveira, Nayara Jinknss, Luciana Magno, Cristóvão Coutinho, Savio Stoco, Milton Guran, Kurt Klagsbrunn, Anna Kahn, Oswaldo Goeldi, Jair Júnior, Aloísio Carvão, Osmar Dillon, Fernando Lindote, Marise Maués, Paula Sampaio, Paulo Meira, Juliana Notari, José Alberto Colares e Patrick Pardini, Danielle Fonseca, Keyla Sobral e Carlos Pereyra, Rafael Mateus Moreira e Nina Matos. Somado a esses artistas, nesta edição, a coleção recebe, pela primeira vez, o trabalho de um artista estrangeiro: a obra Dolorosa, do artista peruano Giuseppe Campuzano.

Agende-se

Vernissage da Exposição Experiência Vertigem
Data: quinta-feira, 14, às 19h
Visitação: de 15/3 a 10/5 - Terça a sexta - 10h às 17h/Sábados, domingos e feriados - 10h às 14h
Local: Museu da UFPA (Av. Gov. José Malcher, 1192 - Nazaré)
Entrada franca

Cultura