Cine Olympia abre programação com documentário e mostra nacional em dezembro

Exibições terá curta paraense e mostra de filmes do Canal Brasil na primeira quinzena deste mês.

A programação do Cine Olympia no mês de dezembro está com variedade de filmes sempre com entrada franca. De terça à sexta-feira, as sessões são sempre a partir das 18h30. Já aos sábados e domingos a exibição é às 16h30.A programação abre com o curta-metragem paraense “Os projecionistas” exibida até esta quarta-feira, dia 05 de dezembro. O documentário rodado em Belém, mostra o trabalho dos profissionais da área cinematográfica na capital. O curta tem roteiro e direção de Eveline Almeida, Kemuel Carvalheira e Lucas Alcântara.

Entre os dias 6 e 12 de dezembro, será exibida a “Mostra 20 anos-Canal Brasil”,  com um filme diário. A primeira exibição será do longa de 2017, “Gabriel e a Montanha”. O filme retrata o sonho de Gabriel Buchmann (João Pedro Zappa) de visitar a África. O personagem tem o desejo de conhecer o estilo de vida do povo africano, sem se passar por turista, além de ter como grande objetivo alcançar o topo do monte Mulanje, localizado no Malawi.

A programação segue na sexta-feira, 07, com a comedia dramática “Mãe só há uma”, dirigido por Ana Mulayert, mostra a história de Pierre, que descobre que sua família não é biológica quando a polícia prende sua mãe. Confuso, ele vai atrás dos parentes verdadeiros, que o conhecem como Felipe, e a nova realidade faz com que o rapaz encontre finalmente sua real identidade.

No terceiro dia da mostra, será exibido o documentário “Menino 23: Infâncias perdidas no Brasil”, que acompanha a investigação do historiador Sidney Aguilar e a descoberta durante os anos de 1930, que cinquenta meninos negros e mulatos foram levados de um orfanato no Rio de Janeiro para uma fazenda e submetidos ao trabalho escravo por uma família da elite política e econômica do país.

No dia 9, será a vez do drama “A Glória e a Graça”, que narra a história de Glória (Carolina Ferraz), travesti bem sucedida e feliz com suas conquistas. A programação segue no dia 11, com o documentário “Setenta”, que conta a história de 18 personagens, que viveram durante a ditadura militar no Brasil. A mostra encerra na quarta-feira, 12, com o longa “Despedida”, um drama  que mostra os últimos dias de um Almirante, de 92 anos, que decide se despedir de tudo e todos e desfrutar uma intensa noite de amor com Fátima, a amante de 37 anos.

Serviço: Programação Cine Olympia

Entrada franca

Local: Cine Olympia, localizado avenida Presidente Vargas, nº 918, em frente a praça da Sereia, bairro da Campina.

Sessões de terça à sexta-feira, a partir das 18h30. Aos sábados e domingos exibição às 16h30.

Cinema