Acessar
Alterar Senha
Cadastro Novo

Conheça os ex-BBBs campeões que gastaram todo o valor da premiação

Das 21 edições, três vencedores não têm mais nenhum real do prêmio do reality da TV Globo

Bruna Dias

O prêmio do Big Brother Brasil muda a vida de muitos brasileiros, desde a primeira edição. O valor inicial era de R$ 500 mil, depois passou para R$ 1 milhão e agora é de R$ 1,5 milhão. Vale lembrar que esse valor é líquido, a TV Globo paga os impostos referente ao dinheiro.

Diante de tantas edições e experiências, os recentes campeões estão aproveitando mais as oportunidades que a internet proporciona e nem no dinheiro da premiação estão mexendo, a exemplo da Thelma Assis e de Juliette Freire.

LEIA TAMBÉM

Exclusivo: Após 'traumas', ex-BBB paraense fala pela primeira vez sobre o reality 'O BBB é genial, ele é conduzido como nenhuma produção do mundo consegue ser', declarou Mirla Prado

Entrevista: Ex-BBB paraense, Thaís Macêdo, revela que viveria outro reality Ela contou sobre a pressão sofrida dentro do programa e a necessidade de equilíbrio psicológico e espiritual para se manter no jogo

Ex-BBB paraense, Diego Sabádo, conta que colhe bons frutos do BBB18 O filósofo, que teve destaque na sua edição, acredita que o programa atinge o seu maior objetivo que é entreter

Decrescendo a edição de 2019, todos os participantes usaram o valor do prêmio do BBB. Uns investiram, compraram casas, mas teve quem perdesse tudo.

Vencedor da edição 02, Rodrigo Cowboy ganhou R$ 500 mil. Após 71 dias de confinamento, ele venceu a disputa contra 11 pessoas. 

Em entrevista a um site de notícias, o campeão do BBB2 revelou que não tem mais nenhum centavo da premiação e que, atualmente, mora de aluguel.

“Eu recebi o dinheiro 30 dias após o fim do programa, tirei tudo do banco. Peguei esse dinheiro e comprei mil bezerros que, na época, custaram R$ 350 reais cada. E paguei dois anos de aluguel de uma fazenda. Aí foi onde gastei tudo. Não esbanjei, só que deixei nas mãos de terceiros, não cuidei pessoalmente. Tive que vender metade do meu gado para quitar a dívida do banco. Em 2008, o dinheiro acabou. Hoje, nem conta no banco eu tenho”, revelou Rodrigo, que, ainda em 2007, ele precisou de R$ 30 mil, para pagar a fiança e ser solto da prisão, acusado de estelionato na Festa do Peão de Barretos.

Já Gecilda dos Santos, a Cida, venceu o BBB4 com 69% das intenções de votos, quando se fala nesses números, ela segue apenas atrás de Juliette na preferência do público. A campeã foi a primeira mulher a vencer uma edição. Foram 12 participantes, dois deles entraram depois do início do programa, que foi o caso da ganhadora.

A ex-babá comprou a casa dos sonhos após ganhar a bolada. Em Mangaratiba, no litoral do estado do Rio de Janeiro, o imóvel era amplo e com piscina. Porém, ela aceitou ser fiadora de um ex-assessora, que não pagou a dívida e sobrou para Cida resolver esse imbróglio.

Ela precisou pagar os advogados com o resto da premiação e sua casa acabou indo a leilão.

“Conheci uma pessoa, que se dizia assessora, e ela pediu para ser fiadora de uma casa dela no Recreio [Rio]. Essa pessoa não pagou o aluguel da casa em que estava. Me colocaram na Justiça, negociei com a dona da casa. Gastei um dinheirão na reforma da casa da mulher. E o acordo dela foi tirar meu nome do processo. Gastei o dinheiro todo que tinha e ela não tirou. Fiz a reforma e ela agiu de má fé”, revelou Cida um site de notícias.

 

Vencedor da nona edição, Max Porto também não tem mais nenhum dinheiro que ganhou do BBB. No quesito “adorado pelo público”, ele está em último. Com 34,85%, Max é o que tem a menor porcentagem entre os vencedores do programa. Ele ganhou R$ 1 milhão e gastou toda o dinheiro com dívidas.

“Gastei tudo, porque tinha muita coisa para resolver. Dinheiro serve para resolver os problemas. Dinheiro é para se viver. É importante fazer o que tem que ser feito, ajudar quem tem que ser ajudado, e tirar um pouco da grana para curtir também, porque a gente merece”, disse na ocasião.

Celebridades
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

ÚLTIMAS EM CULTURA

MAIS LIDAS EM CULTURA