CONTINUE EM OLIBERAL.COM
X

Projeto brasileiro de abastecimento de água reaproveitada das chuvas ganha prêmio na COP 27

Iniciativa "Quebrada Ecológica", do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST), ficou entre as 12 soluções sustentáveis ao planeta premiadas

Alice Martins
fonte

A iniciativa "Quebrada Ecológica", do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto  (MTST), foi premiada esta semana no pavilhão da Juventude (Youth Pavilion) da 27ª edição da Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP 27), sendo reconhecida como uma das 12 melhores iniciativas inovadoras que buscam soluções sustentáveis ao planeta.

O anúncio foi feito na quinta-feira (11) e o prêmio, chamado ImaGen Ventures, é concedido pela Generation Unlimited, entidade vinculada à Unicef, que reconheceu o projeto pela ação de construir minicisternas em uma comunidade de periferia, utilizando coleta da água de chuva.

VEJA MAIS

image Presidente eleito Lula participa da COP 27 e se reunirá com governadores da Amazônia
Petista participará do evento “Carta da Amazônia – uma agenda comum para a transição climática” e também fará um pronunciamento na área da ONU

image COP 27: Vale e cinco empresas anunciam programa que terá aporte de R$ 120 milhões
Seis empresas integram iniciativa que irá buscar recuperar e preservar 4 milhões de hectares em 20 anos

image Marina Silva diz que Brasil com Bolsonaro é como 'um míssil de carbono apontando para a atmosfera'
A ex-ministra do meio ambiente fez a comparação em declaração na COP 27 e acredita que mudança de governo chegou em boa hora

 A iniciativa garantiu o abastecimento de água para mais de 2 mil famílias na ocupação Maria da Penha, em Guarulhos (SP).

Com a premiação, o "Quebrada Ecológica" ganha uma aceleração global e também 20 mil dólares de financiamento. O recurso será usado para replicar a construção das minicisternas em outras ocupações periféricas e também no projeto Cozinha Solidária do Movimento dos Trabalhadores Sem-Teto (MTST), que serve mais de 6 mil marmitas gratuitas todos os dias nas periferias do Brasil.

image Mais de 2 mil famílias foram beneficiadas com o projeto (Divulgação)

Além do projeto brasileiro, foram reconhecidas também iniciativas de países como Egito, Paquistão, Zimbabwe, Quênia, Uganda, Jordânia, Serra Leoa, Síria, Armênia, Nicarágua e Líbano.

Os vencedores passaram por diversas etapas nacionais eliminatórias, em que concorreram 90 organizações de 45 países diferentes

Palavras-chave

COP 27
.
Ícone cancelar

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!