Você conhece Mindfullness?

Da incrível apresentadora Oprah Winfrey, aos professores da rede pública do Espírito Santo, a crianças de bairros pobres nos EUA e executivos de sucesso aqui em Belém, muita gente tem aderido às práticas do Mindfullness.

Layse Santos | Conexão AMZ

De uma forma bem resumida, ele é uma técnica de meditação e exercícios de tradição asiática adaptada para o Ocidente. A ideia é ensinar a ter foco no presente – e não nas expectativas para o futuro ou nos traumas do passado.Os benefícios relatados são muitos, a exemplo de melhoras em dores crônicas, melhora da ansiedade, depressão, controle da pressão arterial e um cérebro mais jovem. 

Quem se torna adepto costuma virar forte defensor da prática, como é o caso da Oprah Winfrey, que tem propagado o mindfullness em várias aparições públicas. Mas, ao decidir experimentar esse tipo de meditação, é bom ficar ligado em um detalhe importante, que é  tema do episódio de hoje do @seuneyzinho aqui no #AMZ. O recorte que ele faz é um alerta: O Mindfullness de verdade precisa estar atrelado a valores. "Ele é algo além da meditação e tem a ver com ética", explica no vídeo que a gente te convida a assistir. Um convite também para você experimentar a prática e ter semanas mais produtivas e menos pressionadas. Aproveite!

Conexão AMZ
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!