Os bastidores do poder em um tour pelo Congresso Nacional

Rodrigo Vieira esteve na Capital Federal e mostra histórias e curiosidades da Câmara e do Senado

Rodrigo Vieira | Conexão AMZ

Viajei a Brasília em março deste ano. Fui fazer um curso de edição de vídeos pelo celular a convite de uma amiga, que trabalha no Senado Federal. Resolvi passar quatro dias por lá e dar uma chance à cidade. Vê-la com outros olhos, sabe? Nas duas visitas anteriores, confesso que havia achado a metrópole do Planalto um tanto, digamos, inóspita. 

Fachada Congresso (Conexão AMZ - Rodrigo Vieira)

 

Comentei sobre essa sensação com a minha amiga, que rapidamente montou uma programação diversificada com o objetivo de reverter essa minha equivocada percepção. Foi quando ela me falou sobre Turismo Cívico. Oi? “É, Rodrigo, turismo cívico! Aproveite que está no centro do poder e conheça um pouco da nossa história, como funciona as instituições, enfim, o porquê das coisas. Vou já reservar pra ti um tour pelo Congresso Nacional. Quer? É de graça”, disse ela entusiasmada. Topei na hora! E realmente foi bem interessante. Por isso, compartilho essa experiência com você. 

Você também pode conhecer

A visitação ao Congresso Nacional é gratuita e aberta a todos os brasileiros. Pode ser feita segundas, quintas, sextas, fins de semana e feriados, de 9h às 17h30. O tour também está disponível em inglês, espanhol, francês e libras. Os agendamentos podem ser feitos no site do Congresso Site Congresso Nacional.

Fachada Palácio Itamaraty (Conexão AMZ - Rodrigo Vieira)

 

Outros pontos de turismo cívico em Brasília

- Palácio do Planalto (sede do Executivo).
- Palácio da Alvorada (residência do presidente da República. Por ora, fechada para visitação).
- Supremo Tribunal Federal 
- Palácio Itamaraty (sede do Ministério das Relações Exteriores)
- Palácio da Justiça 
- Palácio Jaburu (residência oficial do vice-presidente da República)
- Museu do Catetinho (lugar que foi a primeira residência oficial de Juscelino Kubitschek, ainda na época da construção de Brasília).
- Memorial JK (onde estão documentos, fotos históricas e a câmara mortuária do ex-presidente).
- Sede do Banco Central

Conexão AMZ