Versos do Futebol

Por Carlos Fellip

O ritmo e as rimas do mundo poético que mora o futebol. Coluna assinada por Carlos Fellip, editor Executivo de O Liberal, é jornalista formado há 10 anos, com experiência no jornalismo esportivo e de atualidades. Ganhou prêmio de Jornalismo do MPT e cobriu Seleção Brasileira em Belém.

Medalhão: reforço ou refugo?

Carlos Fellip

O que alimenta expectativa
Faz surgir especulações
Movimenta toda a torcida
Rende tesouros e frações

Protagoniza várias notícias
É alvo de inúmeras projeções
Aquece a venda de camisas
Integra o grupo de medalhões

Antes mesmo de estrear
É tratado como reforço
Em campo terá de provar
Que não é um refugo tosco

Empresas conhecem investimento
Empresários são bem preparados
Porque executam planejamento
Mesmo sendo pressionados

O futebol não é diferente
Gera emprego. Tem mercado
Mas a paixão que toma a frente
Deixa intelectos apequenados

A consequência costuma ser cara
Dívidas, débitos, dividendos e divisão
Reforço refugo não é repetição rara
Multiplica miséria. Me dá R$ 1 milhão!

Fica a dica para o mundo da bola
Assine contratos com mais atenção
Porque qualidade não pode ser esmola
Reforço é bem mais que contratação

 

Carlos Fellip
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!