Chegou o momento de festejar...

Bernardino Santos

De primeira

Zenaldo faz a primeira mexida no secretariado municipal. Sai da Sesan o Cláudio Mercês e entra o engenheiro Rui Klautau. É um bom quadro. Durante o mês de janeiro outras mudanças poderão ocorrer. 

Carnaval

Após 10 anos de ausência os Acadêmicos da Pedreira estão de volta ao carnaval de 2019, com o samba enrredo em homenagem ao médico e escritor Alfredo Oliveira e ao saudoso poeta Ruy Barata.

Líder em Abaeté

Com projeto aprovado pelo Banco da Amazônia, o Grupo Líder inicia em 2019, mais um grande supermercado em Abaetetuba.

Nunca mais

A dois meses de abrir uma cúpula extraordinária para tratar do tema de abusos sexuais no âmbito da Igreja, o papa Francisco deu um aviso corajoso: nunca mais a Igreja tolerará casos de pedofilia entre o clero e deixou claro que, tendo notícias de relatos, entregará o caso à Justiça;

Única

Ainda no tema: em a toda região amazônica, a Arquidiocese de Belém é a única que possui Bispos Auxiliares. Nenhuma outra tem.

Comércio

O sistema de segurança funcionou nesta temporada e o comércio e shoppings, estão com um final de ano com boas vendas. 

Área cobiçada

A Prefeitura deixou para o primeiro trimestre do ano novo, o lançamento do edital de licitação (PMI) para a área do antigo Iate Clube do Pará.

Elogios

“Eu não sou homem que recuse elogios. Amo-os; eles fazem bem à alma e até ao corpo”. (Machado de Assis)

Homenagem

O falecido editor Armandinho Casimiro Costa Filho, da LTr de São Paulo, vai ser homenageado com uma obra coletiva sobre direito o trabalho, organizada pelos professores Bezerra Leite e Vitor Salino.

Fórmula 1

O piloto inglês Lewis Hamilton, um dos maiores astros da Fórmula I, sempre teve muito talento para o volante mas era disléxico e por isso pouco aprendia na escola. De uma infância pobre, vivida na periferia de Londres, hoje Hamilton não chora mais por dinheiro.

Atacarejos

Até o início de março três atacarejos começam suas atividades em Castanhal. O primeiro ainda neste mês. Isso significa que os mercados atacadistas, varejistas, de indústria de alimentos, fornecedores e de distribuição da região vão sofrer uma forte, digamos, mudança de hábitos. Tudo porque o poder de compras desses atacarejos é forte, a agressividade comercial intensa e as promoções ofensivas.

O casal Manoel de Jesus Sena Maués e Yolanda Pinto Maués, completa hoje 45 anos de casados, Bodas de Rubi. O feliz acontecimento será comemorado no clima natalino, com um jantar em família, Parabéns, amigos. (Divulgação)
Advogado e professor Adherbal Meira Mattos, o papa do Direito Internacional, aniversaria hoje. Ao lado da esposa Maria Helena ele comemora a data no Rio de Janeiro, para onde viajou ontem. Daqui vai o nosso abraço. (Divulgação)

VITRINE

Com renúncia de Alirio Gonçalves, o vice Artur Teixeira assume a presidência do Grêmio Português.

A amiga Rose Coutinho Jorge está em Belém. Veio de Brasília para as festas de final de ano com a netinha Maria Eduarda. 

O grupo Caldo de Turu se apresenta hoje, às 18h30 na Estação das Docas, com um show de música regional.

Bom dia para a amiga Mary Serruya, leitora da coluna, logo cedo no café da manhã.  

Quinze dias antes do réveillon no Copacabana Palace, no Rio, todos os ingressos já tinham sido vendidos. 

Sucesso entre alunos das escolas públicas, a revista Almanaque, editada por Ronaldo Franco, vem aí com mais um número em janeiro.

Desde ontem voos lotados estão saindo para a festa da virada do ano, em Fortaleza.

Gostei da indicação de Marcelo Pinheiro para o Cerimonial do Governo. Tem bossa e talento para a função.

Época boa para os camelôs que vendem guarda-chuva a rodo, nas esquinas da cidade.

Carolina e Nazareno Santos já estão no Rio para a virada do ano em Copacabana.

Terezinha e Moacyr Machado completaram 49 anos de casamento. As bodas de ouro, em 2019, serão comemoradas em alto estilo. 

Nazaré Pingarilho chegou do Rio de Janeiro para as festas em Belém com familiares.

Cantinho da poesia: “Existo em ti. Creia, só o teu amor me liberta para viver o amanhã”. (Orestes Ramalho).

É só. A musa chama.

O Liberal