Mãe de Glenn Greenwald morre aos 76 anos

Vítima de fake news, Arlene Ehrlich Greenwald lutava contra um câncer

Redação Integrada

O jornalista Glenn Greenwald publicou na noite da última sexta-feira que sua mãe, Arlene Ehrlich Greenwald, morreu aos 76 anos. Ela lutava contra um câncer - um tumor no cérebro diagnosticado em agosto - e foi homenageada pelo filho nas redes sociais.

Glenn escreveu que a mãe foi uma guerreira a vida toda. "Superou tantas dificuldades e me ensinou tudo. E - mesmo com os horríveis ataques que sofreu este ano de pessoas odiosas - sempre se tratou todos com amor e respeito", publicou no Facebook.

"Todos sentiremos sua falta. Sou particularmente grato por ela ter podido conhecer os meus e os filhos de David Miranda, que ela abraçou instantaneamente como netos e passou o último ano no telefone, constantemente", completou o jornalista.

Brasil
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!

MAIS LIDAS EM BRASIL