Portos de Belém não têm filas nem esperas nesta segunda-feira

Situação é normal no acesso a balsas na Bernardo Sayão. Outras balsas também reforma demandas em Icoaraci

Redação integrada de O Liberal

A manhã desta segunda-feira (15) surpreendeu os motoristas de caminhão e carros particulares que procuraram os serviços de balsas para travessias. Apesar da semana passada ter registrado filas quilométricas e esperas de até 38 horas, após a queda da ponte da Alça Viária sobre o rio Moju - ocorrida no sábado (6), após pilares serem atingidos por uma balsa -, nenhuma demora ou filas anormais para embarques foi registrada nas avenidas Bernardo Sayão e Perimetral.

Desde quinta-feira (11), as esperas têm se normalizado: as filas seguem se formando conforme a espera regular de embarque, com dez a 20 minutos gastos. No final de semana  A descentralização dos embarques ajudaram a normalizar a situação. Os veículos de transporte de cargas e ônibus estão fazendo embarques no Porto Rodofluvial de Belém, na Bernardo Sayão, próximo à avenida José Bonifácio, no Guamá.

No porto Henvil, na Bernardo Sayão próximo à Quintino Bocaiúva, no Jurunas, ocorrem os embarques para transportes de passageiros e carros pequenos e de médio porte. A partir de hoje (15), o porto de Icoaraci também está operando com três balsas, para se somar à opção já ofertada de embarques pelo porto do Arapari.

Fluxo normal na Bernardo Sayão: outras balsas operam a partir de hoje em Icoaraci (Igor Mota)

SURPRESA

"A fila também está zerada do outro lado, em Barcarena, e a tendência é se manter assim ao longo da semana. Aconselhamos os motoristas procurarem portos de menor fluxo, como o de Icoaraci", orientou o agente Viana, do Departamento de Trânsito do Estado do Pará (Detran-PA).

O caminhoneiro José Martinez, 52, chegou a Belém para descarregar produtos hortifrutigranjeiros que abastecem a Ceasa. De volta ao seu destino de origem, Minas Gerais, aguardava esta manhã a chegada da balsa para embarque. Não enfrentou fila alguma para embarcar rumo a Barcarena. "É a primeira vez que embarco aqui. Estava tendo fila?", surpeendeu-se.

Belém
.

Desculpe pela interrupção. Detectamos que você possui um bloqueador de anúncios ativo!

Oferecemos notícia e informação de graça, mas produzir conteúdo de qualidade não é.

Os anúncios são uma forma de garantir a receita do portal e o pagamento dos profissionais envolvidos.

Por favor, desative ou remova o bloqueador de anúncios do seu navegador para continuar sua navegação sem interrupções. Obrigado!